COVID-19: Varginha oferece tratamento para pessoas com sequelas da doença

 


A Prefeitura de Varginha, no Sul de Minas, oferece tratamento para pessoas curadas da COVID-19, mas que possuem sequelas da doença. O programa ‘Varginha Recuperada’ foi criado para reduzir os impactos causados pelo novo coronavírus.

De acordo com a prefeitura, o programa ‘Varginha Recuperada’ oferece atendimento médico fisioterápico aos moradores da cidade com sequelas pós COVID-19. “Estudos realizados com pacientes que apresentam a SARS (Severe Acute Respiratory Syndrome) causada pela forma mais antiga de coronavírus (SARS-CoV) mostram a redução da capacidade cardiorrespiratória, limitação musculoesquelética, e redução da qualidade de vida mesmo após o término da doença”, explica assessoria de imprensa da prefeitura.

O programa vai atender cada paciente de forma individual, conforme a necessidade da pessoa e avaliação do profissional. A prefeitura vai disponibilizar de 10 a 20 sessões de fisioterapia, sendo duas por semana. Além disso, os pacientes vão assistir um vídeo com exercícios básicos para auxiliar o fortalecimento pulmonar.

 Segundo a prefeitura, para participar do programa ‘Varginha Recuperada’ é preciso de um encaminhamento médico após ter contraído a COVID-19 e passar por uma avaliação com um fisioterapeuta.

”Não atenderemos pacientes em tratamento de COVID-19. Sendo necessário estar liberado e devidamente encaminhado para iniciar as atividades no centro”, completa.

 

Casos em alta

Varginha sofreu um aumento expressivo de casos de COVID-19 no começo deste ano. Em janeiro, a cidade registrou mais de 100% em comparação com dezembro do ano passado. O município soma 5.636 casos da doença e 100 mortes em decorrência do novo coronavírus.

Fonte: Estado de Minas

Enviar um comentário

0 Comentários