Minas facilita crédito para empresas lideradas por mulheres

 


O Governo de Minas e o Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) aprimoraram o acesso a crédito para micro e pequenas empresas lideradas por mulheres. A taxa de juros inicial da linha Empreendedoras de Minas – que ao longo de 2020, devido à pandemia, já havia sido reduzida de 0,95% para 0,79% ao mês – terá uma nova diminuição durante março, quando se comemora o Dia Internacional da Mulher (8/3). O valor será de 0,68% ao mês.

Podem acessar o crédito empresas mineiras com participação societária feminina igual ou superior a 50% do capital social, há pelo menos seis meses. O pagamento é em até 48 meses, com carência de até seis meses. A simulação e a contratação podem ser feitas de forma ágil, 100% on-line, pelo site do banco ou por correspondentes bancários em todas as regiões do estado.

 

Linha especial

A linha Empreendedoras de Minas do BDMG foi lançada em março de 2018. Desde então, foram desembolsados cerca de R$ 90 milhões para 2.476 empresas situadas em 336 municípios mineiros.

Em novembro de 2020, devido ao Finance In Common Summit, maior encontro de bancos públicos de desenvolvimento do mundo, o BDMG tornou-se signatário da Declaração do Banco de Desenvolvimento de Paris sobre Igualdade de Gênero e Empoderamento da Mulher. As 26 instituições de desenvolvimento e de fomento de todas as partes do mundo, signatárias do documento, comprometeram-se a trabalhar juntas para aprimorar suas políticas de igualdade de gênero.

Fonte: Agência Minas

Enviar um comentário

0 Comentários