Popularidade de Bolsonaro volta ao pior nível desde o início do governo

 


O índices de popularidade do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) retornaram ao pior nível desde o início de seu governo. É o que a ponta a mais nova pesquisa Datafolha divulgada na edição de hoje do jornal "Folha de S. Paulo". O desempenho de Bolsonaro no combate à pandemia, com a quantidade de respostas "ruim/péssimo" disparando.

De acordo com os números, são 44% os que hoje consideram que Bolsonaro faz um governo ruim ou péssimo. Esse índice era de 32% em dezembro do ano passado e de 40% em janeiro deste ano. Já os que consideram o governo ótimo ou bom, que eram 37% em dezembro e 31% em janeiro, agora são 30%. Por fim, os que fazem a avaliação de que o governo é regular eram 29%, depois 26% e agora somam 24%.

Os maiores índices de ótimo e bom do presidente se dão entre empresários (55%), evangélicos (37%), moradores da região Sul (39%) e homens (35%).

Já os maiores índices de ruim/péssimo  se dão entre os que possuem ensino superior (55%), entre pretos (55%), entre quem ganha mais de dez salários mínimos (54%) e entre moradores do Nordeste (49%).

Pandemia

Em relação ao enfrentamento da pandemia, o índice dos que consideram que o trabalho tem sido ruim ou o péssimo subiu 12 pontos entre dezembro e março. Eram 42%, depois 48% e, agora, 54%. Os que consideram o trabalho ótimo ou bom passaram de 30% para 26% e, agora, para 22%. A avaliação regular foi de 27% em dezembro, 25% em janeiro e 22% em março. Veja mais detalhes aqui.

O instituto ouviu por telefone 2.023 pessoas nos dias 15 e 16 de março. A margem de erro é de dois pontos para mais ou menos.

O Tempo

Enviar um comentário

0 Comentários