AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Cidade no Sul de Minas distribui placas para propriedades de café certificadas pelo Governo



 Com objetivo de incentivar cada vez mais a certificação de seus produtores de café, a Prefeitura de Natércia, no Sul de Minas, está distribuindo, gratuitamente, placas para serem fixadas nas propriedades que conquistaram o selo do Certifica Minas Café – programa de certificação do Governo de Minas, coordenado pela Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e seus órgãos vinculados, Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerais (Emater-MG), Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) e Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA).

Segundo o secretário de Agricultura de Natércia, Henrique Santos Augusto, a iniciativa surgiu recentemente, após dois produtores do município obterem a certificação. “Este selo ajuda nossos produtores a buscarem novos patamares para o comércio do café. 

A certificação ajuda a valorizar o nosso produto, já que o consumidor hoje está muito exigente e querendo saber de onde veio e como foi produzido o café que consome”, detalha.

Além da confecção da placa, a Prefeitura de Natércia também ajuda os cafeicultores no processo de obtenção da certificação, disponibilizando um agrônomo que trabalha juntamente aos técnicos da Emater-MG. “Das duas propriedades certificadas, uma delas já está de posse da placa. Com isso, vendo os resultados, vários outros produtores de café estão interessados em se certificarem, inclusive, produtores de outros segmentos, como leite”, aponta o secretário.

O cafeicultor Carlos Rafael Fagundes, do Sítio São Joaquim, conta com orgulho sobre a placa que recebeu do município. “Ter essa placa é muito bom, pois, se você recebe alguém interessado no seu produto, assim que ele vê a placa já sabe que é um produto de qualidade”, pontua.

Fagundes recebeu o selo do Certifica Minas Café há cerca de um mês. 

“Tomei conhecimento com alguns amigos que já tinham e me indicaram. Além de valorizar o meu café, ele me ajuda a exportar e ter mais rastreabilidade, desde a planta até a xícara”, complementa o produtor.

Fonte: CCCMG


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.