Coluna de minas Gerais 18/05/2021

 


Funcionários anunciam greve

Reivindicando o pagamento de direitos e melhorias em sua jornada de trabalho, motoristas e cobradores da empresa Saritur, nas cidades de Coronel Fabriciano, Ipatinga e Timóteo, devem deflagrar uma greve, caso os problemas não sejam resolvidos. De acordo com o boletim divulgado pelo Sindicato dos Trabalhadores em Transportes do Vale do Aço (Sinttrocel), a intenção é que o movimento criado pelos profissionais resulte na reposição salarial/data-base, vacinação contra a covid-19, pagamento das férias no primeiro dia de gozo, quitação de todas as horas extras trabalhadas entre abril de 2020 e abril de 2021, anotação integral das horas trabalhadas e, ainda, a realização de cursos profissionalizantes. (Diário do Aço – Ipatinga)

 

 

Maio amarelo é tema de blitz

Como parte do calendário de campanhas do Maio Amarelo, o Grupo Eco050 e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) abordaram condutores de aproximadamente 130 veículos em uma blitz educativa, realizada na rodovia BR-050, sentido Catalão/Araguari. O intuito da ação foi promover reflexão acerca da necessidade de mudar a postura de muitos motoristas em prol de um trânsito mais seguro. A blitz foi realizada por meio de um sistema drive-thru montado no km 286. Os usuários abordados recebiam kits lanche e de higiene, álcool em gel, lixeira para carro, material informativo e orientações de trânsito dadas por agentes policiais e colaboradores. (Gazeta do Triângulo - Araguari)

 

JF divulga licitação

A Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) divulgou um chamamento público em que convoca instituições interessadas a prestarem serviços residenciais terapêuticos na cidade, os quais são oferecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) a egressos de instituições psiquiátricas. A movimentação da Secretaria de Saúde ocorre uma vez que o Grupo de Assistência aos Enfermos (Gedae), que atualmente é o responsável pela gestão e manutenção das 27 residências terapêuticas em funcionamento no município, já havia solicitado um cronograma de desmobilização da prestação do serviço. Desde 2019, a instituição solicita alterações financeiras no termo de contrato mantido com a PJF, o que, até então, não foi atendido. O atual vínculo entre as partes deve chegar ao fim em 25 de junho. (Tribuna de Minas – Juiz de Fora)

 

Queijo artesanal recebe destaque

O queijo artesanal da Serra Geral, produzido em 17 municípios do Norte de Minas alcançou destaque nacional, durante o seminário “Sabores e Histórias dos Queijos Artesanais de Minas Gerais”, promovido pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater). O item foi identificado como um tipo de queijo que não possui um processo definido quanto a forma de produção e, assim, se encontra em fase de estudos. Para mais, conforme define a Lei Estadual 22506/2017, o Dia dos Queijos Artesanais de Minas Gerais foi celebrado no último dia 15. (Gazeta Norte Mineira – Montes Claros)

 

Feti arrecada alimentos e agasalhos

A Fundação de Ensino Técnico Intensivo (Feti), doutor Renê Barsam, em Uberaba, lançou a campanha “Aprendiz Amigo Certo – doe alimentos e agasalhos e nos ajude a salvar vidas”. A previsão é que a campanha siga até o próximo dia 10, sendo que os alunos matriculados devem contribuir com a divulgação da campanha nas redes sociais. Todos os materiais arrecadados serão doados à instituições filantrópicas atendidas pelo Centro em Excelência na Produção de Alimentos (Cepa) e, de acordo com a direção da instituição, o principal objetivo da ação é conscientizar a população sobre a importância de apoiar pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social. (Jornal da Manhã – Uberaba)


 

Redução do nível de emergência

A barragem Doutor, da mina de Timbopeba, em Ouro Preto, teve seu nível de emergência reduzido de 2 para 1, nesta terça-feira, 18. A mudança, que atesta o aumento da segurança e estabilidade da estrutura, é resultado de uma série de ações que vêm sendo realizadas pela empresa Vale e, entre elas, estão investigações geotécnicas, manutenção do bombeamento para reduzir o nível de água do reservatório e obras de melhoria na ombreira esquerda, uma das laterais da barragem. Tais ações foram acompanhadas e atestadas pela consultoria técnica responsável. (O Liberal – Ouro Preto)


 

Sesi e Senai fazem investimentos

Duas instituições de peso em Minas Gerais se uniram para oferecer uma melhor formação para o estado. O Sesi-MG, voltado para educação básica, e o Senai-MG, direcionado para ensino profissionalizante, farão investimentos para fortalecer o ensino e oferecer mais oportunidades. Até o fim de 2023, as instituições irão doar R$120 milhões de reais em obras para construções de três novas unidade, reforma e ampliação de outras escolas e compra de equipamentos que atendam todos os alunos da rede que conta com mais de 90 unidades educacionais em todo o estado de Minas Gerais. (Correio – Conselheiro Lafaiete)

Enviar um comentário

0 Comentários