AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

PM do Meio Ambiente prende homem com mais de cem quilos de peixes dourado no Sul de Minas



 A Polícia Militar de Meio Ambiente tem se destacado no combate sistemático aos crimes ambientais que ocorrem na região, como aconteceu na madrugada do último sábado, dia 15, na região interditada da Usina Hidrelétrica do Funil, numa área proibida para qualquer tipo de pesca, na região entre a ponte rodoferroviária em Ribeirão Vermelho até a barragem da Usina do Funil. A Polícia Militar do Meio Ambiente de Lavras, em ação planejada, realizou uma operação na área interditada e flagrou um homem com mais de cem quilos de peixes da espécie Dourado, capturados de forma ilegal. A Polícia Ambiental tem recebido diversas denúncias de pesca nesta área, o que motivou os militares a realizarem frequentes incursões no local e que já obtiveram sucesso.  Na ação da madrugada de ontem, equipes foram lançadas, de forma estratégica, e conseguiram flagrar alguns pescadores praticando o crime, sendo que o autor preso estava num bote inflável com o material de pesca e pescado proveniente do local proibido normativamente. Assim, foi dada voz de prisão em flagrante a um homem de 40 anos, residente em Lavras, sendo ele encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e, em seguida, para a 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil. Além do autor, foram também encaminhados à Delegacia os materiais aprendidos: 1 vara de bambu acoplada a molinete sem marca definida, 1 vara de bambu acoplada a molinete marca "daiwn BG30 dourada", 1 vara de bambu acoplada a molinete "cialala maicoim", 1 colete camuflado, 1 rádio sem marca, 1 touca ninja. Administrativamente, foi ainda lavrado o auto de infração ambiental no valor de R$ 8,6 mil. Os peixes apreendidos, num total de 102 quilos, da espécie dourado, foram avaliados pela vigilância sanitária e considerados próprios para consumo, sendo então destinados para o Instituto de Recuperação Eterna Misericórdia, que acolhe cerca de 40 pessoas em tratamento, e que necessita de apoio e doações. Dois espécimes de peixe Sarapó apreendidos foram descartados de forma ambientalmente correta e em local apropriado.


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.