Enfermeira suspeita de aplicar vacina sem líquido em cidade sul-mineira



 A Secretaria Municipal de Saúde de Campo Belo afastou e determinou a abertura de sindicância contra uma enfermeira de 29 anos que supostamente simulou a aplicação de vacina contra a Covid-19 em uma mulher de 41 anos que tem comorbidade. Um vídeo que circulou pelas redes sócias mostra a aplicação com uma seringa sem o imunizante.

A filha da mulher filmou o momento da aplicação e depois percebeu que a seringa estava vazia.

A Prefeitura de Campo Belo divulgou uma nota (veja abaixo) informando que: medidas necessárias foram tomadas, sendo registrado um Boletim de Ocorrência na Polícia Militar e a servidora afastada temporariamente.

Ainda de acordo com a Prefeitura, o caso será investigado através de um Processo Administrativo e, sendo comprovado, a servidora será exonerada do cargo.

A Secretaria Municipal de Saúde ainda destacou que irá ampliar e reforçar a fiscalização na aplicação das vacinas contra a Covid-19. 

O profissional de saúde terá ainda que mostrar a seringa cheia antes da aplicação e vazia após o procedimento.

A moradora de 41 anos recebeu na ultima quarta-feira, dia 2 a vacina que não foi aplicada.

Enviar um comentário

0 Comentários