AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Apoio aos municípios e programa de desenvolvimento do Estado marcam semestre da Assembleia de Minas



 Presidente da ALMG, Agostinho Patrus, destaca ações
 de retomada da economia, pauta municipalista, projetos sociais


O apoio aos municípios mineiros, o combate à pandemia e a promoção do desenvolvimento social e econômico estão entre as pautas que marcaram o semestre da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). 

Por meio da apresentação, discussão e aprovação de importantes projetos, o Parlamento mineiro obteve alta produtividade ao longo dos últimos seis meses, com atuação voltada, ainda, ao fortalecimento do papel fiscalizador da Poder Legislativo.

Na avaliação do presidente da ALMG, deputado Agostinho Patrus (PV), os resultados concretos apresentados à sociedade mineira devem-se ao empenho de deputadas e deputados, que têm como foco dos trabalhos a busca por mais qualidade de vida para as pessoas. “Tivemos um semestre de muita dedicação e, sobretudo, de muitas conquistas para o nosso Estado. A cidadã e o cidadão mineiro estão – e sempre estarão – no centro de nossos trabalhos”, afirmou.

Dentre as ações de destaque, Agostinho Patrus classificou como “vitória de Minas Gerais” a destinação direta e desburocratizada de R$ 1,5 bilhão, aos 853 municípios mineiros, do acordo firmado entre a Vale e o Estado como reparação pela tragédia ocorrida em Brumadinho. 

“A Assembleia garantiu que o recurso chegue diretamente às prefeituras, sem necessidade de convênio, com agilidade. É nas cidades que as pessoas vivem, é onde as demandas são mais urgentes. 

Ninguém sabe melhor como gerir esse recurso do que os prefeitos”, afirmou.

Conforme definição conduzida por Agostinho Patrus, Minas vai transferir os recursos em três parcelas, sendo 40% até 30 de agosto de 2021, 30% até 31 de janeiro de 2022 e outros 30% finais até 1º de julho de 2022. Cada município receberá um montante proporcional ao número de habitantes. “Levar diretamente aos municípios esse recurso é renovar a democracia”, avaliou o presidente da ALMG. A verba deverá ser aplicada em obras e investimentos que tragam benefícios efetivos aos cidadãos, com rigorosa fiscalização no uso dos recursos.


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.