AS ULTIMAS

POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Bombeiros fazem rescaldo e monitoram mata do Cristo após incêndio

 


Ao menos 11 homens do Corpo de Bombeiros seguem monitorando a mata na serra do Cristo, em Pouso Alegre (MG) na última terça-feira, 13. O local foi consumido por um incêndio que teve início por volta do meio-dia de ontem.

No momento não há focos ativos, mas militares fazem vigília para evitar o surgimento de novas queimadas

Ao menos 11 homens do Corpo de Bombeiros seguem monitorando a mata na serra do Cristo, em Pouso Alegre (MG) nesta terça-feira, 13. O local foi consumido por um incêndio que teve início por volta do meio-dia de ontem.

Ainda na noite de segunda, por volta das 21h, a maior parte do incêndio já havia sido controlada. Alguns focos de incêndio se mantinham na área já queimada, sem risco de passar para o restante da vegetação.

Com a situação sob controle, por segurança, os bombeiros encerraram os trabalhos, informou o capitão Tosatti, subcomandante da da 7ª Companhia Independente de Bombeiros Militar.

Na manhã desta terça-feira, 13, os trabalhos foram retomados por volta das 5h20. Foi feito o rescaldo de brasas remanescentes e não há novos focos de incêndio. Ainda assim, os bombeiros vão acompanhar a evolução do quadro ao longo do dia.

“Devido ao aumento da temperatura e a baixa umidade relativa do ar, nós vamos deslocar mais militares para o local para reforçar essas equipes. Não há nenhum foco novo, porém, preventivamente, nós aumentaremos o efetivo no local. Caso seja verificado algum foco, o combate se inicia o mais rápido possível”, garantiu o subcomandante. De acordo com os militares, ainda não é possível estimar a área afetada pelas chamas. O local atingido, em uma das bases laterais da serra do Cristo, é uma região de preservação ambiental.

Ontem, o trabalho para controlar o incêndio envolveu nove militares do Corpo de Bombeiros, 11 do Exército e três brigadistas da Prefeitura.



Fonte: Rede Moinho

 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.