AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Coluna - Luiz Fernando Alfredo

 Procurando pelo em ovo

Em regra geral, algumas pessoas, sofrem por carregar os problemas dos outros ou por querer mudar o mundo, mas achamos que elas não deveriam desistir de continuarem na luta como condutores de criatividades e boas energias, pois o mundo é carente  de grandes  líderes e ainda mais que estamos numa era em que as pessoas são mais oponentes do que amigos, são mais indiferentes do que observadores, são mais egoístas do que desprendidos e muito individualistas, só se importam com o seu eu e esquecem que existe o plural nós. A pandemia diminuiu além da nossas necessidades de interação, afastando-nos pelo menos um metro, dificultou nossa capacidade de reconhecimento mútuo, devido ao uso de máscara.
Por que estamos discorrendo sobre tal assunto? Na verdade porque há poucos dias, numa conversa informal com várias pessoas, alguém disse: “Olha aqui, trinta por cento das pessoas não acreditam que o homem foi a Lua”, outro disse: “Uma pesquisa nos Estados Unidos com jovens adolescentes, apontou que sessenta por cento não sabem que o holocausto dos judeus existiu na segunda guerra mundial”. E nós acrescentamos que fomos ajudar no dever escolar, de uma garota de quinze anos, portanto no colegial de uma famosa e conservadora Instituição de Ensino desta cidade. E não é que o tema era só sobre socialismo!
Pensamos um tanto desanimados no que ouvimos e relatamos acima, e nos perguntamos: Que mundo é este? Terá solução? Conclusão: Infelizmente, a nosso ver, salvo engano, o mundo não mudará ornado de flores e belas paisagens, mas com certeza com muita fé, pois nós estamos perdendo a capacidade de raciocinarmos, enxergarmos e amarmos e o pior ninguém consegue ver “luz no fim do túnel”. 
O computador e as mídias sociais são as tecnologias mais importantes já criadas até hoje, no entanto a velocidade destas ferramentas nos deixaram mais desligados do em torno, menos sonhadores e talvez bem mais “burrinhos”. 
Criamos um conceito, que talvez muitos pensam iguais: A história é escrita sempre no rastro do homem, ela retrata o relato daqueles que viram, falaram e daqueles que ouviram, interpretaram. Assim sendo, a imaginação do biógrafo, pode produzir heróis medrosos, mas inesquecíveis e homens honrados e corajosos praticamente anônimos. 
Estamos em plena guerra de narrativas (distorções da verdade) e fatos reais, todos nós temos a obrigação de pacificarmos e esclarecermos a verdade. Contra fatos não há argumentos e o Brasil está em cima de “barris de pólvora”, por causa de grandes mentiras espalhadas sem nenhuma solidariedade com o berço esplêndido que dormem – afeta todos.
A imprensa militante que é o partido político mais destruidor de uma nação, insiste em falar e parece tacitamente desejar um golpe do Governo Federal em conjunto com os militares, à medida que ela mesma instiga; e outras falácias desalentadoras, tanto que continuamente as Instituições estão se estranhando e a esquerda mentindo com muita agressividade falando do golpe do Bolsonaro, sendo planejado. 
Mas afinal seria outro golpe? Um já foi dado no Brasil, a partir da Constituição Federal ter sido rasgada pelos poderes do STF e do Congresso, sendo o primeiro ativista e o segundo tremendamente omisso e oportunista. Aqueles que vocês chamam de fascistas, juntamente com as forças armadas estão tolerando tudo, pois não há espaço nem clima para absolutismo no Brasil, é o que acreditamos, desde que a soberania do povo não seja mais desrespeitada e sua liberdade cerceada violentamente.
Os protagonistas do golpe dado, não assumem seus ataques à democracia e ainda desafiam e ameaçam o Presidente e forças armadas. Será que eles querem uma briga com exército para saírem como vítimas? Esqueçam, já falamos que não acreditamos em intervenção militar, isto só aconteceria em casos extremos, e com certeza não fará bem para ninguém. Calma, o Brasil tem jeito, basta unirmos, revermos a Constituição Federal e regras mais fortes nas separação dos poderes, leis mais rígidas para os agentes políticos e públicos, a começar pela aprovação do voto eletrônico auditável.
Que Deus proteja todos os brasileiros, especialmente a esquerda da cabeça oca, cara de pau e comunista.
A propósito Deputada joice Halssemamn, os traumas que apresentou para o mundo inteiro, após uma semana do acontecido, não seria carícias dos punhos do seu marido? Ele pode ser revoltado com sua traição ao Mito. A deputada parece não conformar com seu ostracismo – Vale tudo, hem?


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.