AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

'Bolada' em jogo: Atlético quer nova premiação milionária na Copa do Brasil



Forte em todas as competições, o Atlético mira uma nova premiação milionária - desta vez, na Copa do Brasil. Se eliminar o Fluminense nas quartas de final, que terão disputa iniciada nesta quinta-feira (26), o Galo garantirá outros R$ 7,3 milhões.

Até então, por toda a trajetória no torneio, o Galo soma R$ 7,85 milhões. Os comandados de Cuca já deixaram Remo (terceira fase) e Bahia (oitavas de final) pelo caminho.
 

A premiação é de suma importância para o andamento do ambicioso projeto do Galo. Com um dos melhores elencos do país à disposição, o Atlético se beneficia da parceria com o empresário Rubens Menin para contratar reforços de peso e voltar a ser um dos postulantes aos principais títulos.

 
Para além do dinheiro, o clube mineiro também busca retomar o caminho das grandes conquistas. Desde 2014, quando foi campeão da Copa do Brasil diante do rival Cruzeiro, o Atlético não levanta as principais taças - ainda que tenha sido campeão mineiro quatro vezes neste período.

Quanto o Atlético pode arrecadar na Copa do Brasil?

 
  • Terceira fase: R$ 1,7 milhões
  • Oitavas de final: R$ 2,7 milhões
  • Quartas de final: R$ 3,45 milhões (R$ 7,85 mi no agregado)
  • Semifinal: R$ 7,3 milhões (R$ 15,15 mi no agregado)
  • Final: R$ 23 milhões ao vice (R$ 38,15 mi no agregado)
  • R$ 56 milhões ao campeão (R$ 71,15 mi no agregado)
 

Ganhos à altura do projeto

 
Além da arrecadação na Copa do Brasil, o Atlético conquistou cifras importantes pela trajetória na Copa Libertadores da América. No torneio continental, o clube mineiro teve a melhor campanha da primeira fase e, no mata-mata, já deixou Boca Juniors e River Plate, da Argentina, pelo caminho. Nas semis, terá pela frente o Palmeiras.



 
Libertadores (cotações das épocas das disputas)
 
  • Fase de grupos: US$ 3 milhões (R$ 15,9 milhões) 
  • Oitavas de final: US$ 1,05 milhão (R$ 5,5 milhões)
  • Quartas de final: US$ 1,5 milhão (R$ 7,9 milhões)
  • Semifinal: US$ 2 milhões (R$ 10,6 milhões)
  • Total: R$ 39,9 milhões
 
Total arrecadado com Copa do Brasil e Libertadores: R$ 47,7 milhões
 
Caso avance à final da Libertadores, o Atlético garantirá, no mínimo, outros R$ 30 milhões (premiação do vice). O campeão do torneio ficará com outros R$ 75 milhões. No fim das contas, se o Galo conquistar o bicampeonato, somará cerca de R$ 105 milhões somente com a competição da Conmebol.

Outra bolada à vista

 
O Atlético também mira encerrar o jejum de títulos - que dura 50 anos - no Campeonato Brasileiro. O principal torneio do país é outra importante fonte de renda e pode render premiação milionária ao Galo.
 
Em 2020, o campeão (Flamengo) levou R$ 33 milhões. O vice (Internacional) arrecadou R$ 31,35 milhões. Já o terceiro colocado (Atlético) garantiu R$ 29,7 milhões pela campanha.

Super Esportes

 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.