AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

CPI da COVID ouve diretora da VTClog, empresa suspeita de corrupção



Andréia Lima, diretora-executiva da VTCLog, empresa escolhida pelo Ministério da Saúde para monitorar a armazenagem e distribuição de medicamentos, depõe nesta terça-feira (31/8), à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID, instalada pelo Senado.

Sua convocação foi decidida na noite desta segunda (30/8) em reunião do presidente da comissão, Omar Aziz (PSD-AM), com o vice-presidente, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), e o relator, Renan Calheiros (MDB-AL), depois que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Nunes Marques garantiu ao motoboy Ivanildo Gonçalves, que estava programado para ser ouvido hoje, o direito de não comparecer.

Ivanildo presta serviço a VTCLog e deve ser investigado por supostamente ter feito saques milionários, considerados suspeitos. Um relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) indicou que o motoboy teria sacado cerca de R$ 4,7 milhões para a empresa.

Conforme o requerimento de convocação do senador Randolfe Rodrigues, Ivanildo é um “aparente intermediário em esquemas duvidosos da empresa VTCLog”. O depoimento estava marcado para a quinta-feira (2/9), mas havia sido antecipado ao final da última reunião da comissão.

Já a convocação de Andréia Lima havia sido aprovada pelos senadores em 7 de julho. Entretanto, a data de comparecimento ainda estava indefinida. 
 
Os senadores apontam possíveis irregularidades na contratação da empresa pelo Ministério da Saúde. Uma das suspeitas é um contrato em que o ex-diretor da pasta Roberto Ferreira Dias tenha aceitado pagar 18 vezes o valor que havia sido recomendado pelos técnicos. O Tribunal de Contas da União (TCU) também analisa a negociação.

Para os membros da CPI, a VTCLog pode ser uma peça em suposto esquema de corrupção e pagamento de propina a agentes públicos e políticos. "Infelizmente, não vamos poder ouvir o motoboy que teria sacado R$ 5 milhões e entregado esse dinheiro diretamente na residência dos beneficiários. Esse depoimento, do ponto de vista da roubalheira, da corrupção, é muito importante, mas não vamos desistir dele", afirmou Renan Calheiros após a reunião.

Estado de Minas

 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.