AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Pesquisadores do Grupo Unis criam indicador que mede eficiência do gasto público



 Professores do Departamento de Pesquisa do Grupo Unis em parceria com o Grupo de Estudos Econômicos do Sul de Minas Gerais (GEESUL) e o Programa de Mestrado em Gestão e Desenvolvimento Regional do Unis desenvolveram um novo indicador: o IGED (Índice de Gasto Eficiente para o Desenvolvimento).

O objetivo deste indicador é demonstrar a eficiência do esforço orçamentário municipal no atingimento dos resultados em áreas como saúde, educação, assistência social e economia. Para cada uma dessas áreas são levantados indicadores específicos e também o esforço orçamentário do poder público municipal, finalizando com um índice sintético que varia entre 0 (zero) e 1 (um). Quanto mais próximo de 1 mais eficiente é o município no seu esforço orçamentário, quanto mais próximo de 0 menos eficiente é o município.

Foi estabelecida também uma escala de análise:

0,750 a 1 = alta eficiência no gasto para o desenvolvimento;

0,500 a 0,749 = média eficiência no gasto para o desenvolvimento;

0,250 a 0,499 = baixa eficiência no gasto para o desenvolvimento;

0 a 0,249 = muito baixa eficiência no gasto para o desenvolvimento.

O indicador foi calculado com base nos dados de 2019 para os 853 municípios de Minas Gerais. A maioria dos municípios (76%) se encontram com nível médio de eficiência no gasto público para o desenvolvimento; 23% foram classificados como de baixa eficiência no gasto para o desenvolvimento; e apenas dois municípios (Jeceaba e Comendador Gomes) atingiram o patamar mais alto de eficiência (acima de 0,750). 

Nenhum município foi classificado no patamar de muito baixa eficiência e 6 municípios foram excluídos da análise pelo fato de não apresentarem dados sobre esforço orçamentário.

Este indicador tem periodicidade de divulgação anual e poderá passar por ajustes e melhorias. Quando ocorrer a liberação dos dados de 2020 será possível aplicá-lo novamente e verificar a evolução dos municípios naquele ano.


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.