AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Polícia Civil prende suspeito de atear fogo em cachorro em Poços de Caldas



 A Polícia Civil prendeu em Poços de Caldas na última quarta-feira, 1º de setembro, um homem de 29 anos acusado de atear fogo em um cachorro. 

Uma mulher suspeita de maus tratos a um cão também foi detida na cidade, dessa vez pela Polícia Militar. Segundo a Polícia Civil, após um denúncia recebida no início do mês de agosto informando que um animal havia sido vítima de maus-tratos, os policiais foram até a residência do suspeito, no bairro Chácara Alvorada, onde identificaram sinais de um incêndio criminoso. 

O suspeito confessou a prática do crime, relatando que, em retaliação à ex-companheira, ele trancou o cão em um banheiro, colocou alguns móveis velhos de madeira, jogou álcool no animal e ateou fogo. O animal conseguiu fugir, mas foi localizado e socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para um Núcleo Veterinário. 

Após o período de reabilitação, o animal foi adotado por um estudante de veterinária e recebeu o nome de Coronel. Com as provas obtidas durante as investigações, a Polícia Civil representou pela decretação da prisão preventiva do suspeito e o mandado foi cumprido pela equipe policial.



Maus-tratos

Também na quarta, a Polícia Militar prendeu uma mulher por maus-tratos a um cão no Jardim Esperança. O animal foi encontrado muito magro, sem alimentação e em condições precárias de higiene. 

Uma equipe do controle de zoonose compareceu no local e constatou os maus-tratos e que o animal precisaria de cuidados imediatos, pois estava correndo risco de morte. No local foi constatado ainda que tanto o corredor como o quintal estavam repletos de fezes, inclusive fezes antigas com bolor, e que não havia recipiente contendo água, nem ração. 

Após o resgate, o animal foi levado para o Centro de Zoonoses para cuidados médicos. A autora se apresentou à Polícia do Meio Ambiente e acabou presa em flagrante delito e conduzida a Delegacia de Polícia Civil.


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.