AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

SindServa pede ajuda à Prefeitura para dar Plano de Saúde com internação a Servidor



 Na manhã da última segunda-feira (30), a Caixa de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos da Prefeitura Municipal de Varginha-MG, das Fundações, Autarquias e Câmara Municipal (Casserv) emitiu um comunicado informando que as internações de servidor no Hospital Regional foram suspensas.

A Casserv alega que a suspensão ocorreu porque a Câmara rejeitou o Projeto de Lei nº 27/2021 que visava lhe destinar uma subvenção de R$1.080.000,00. A Câmara, todavia, em sessão plenária, determinou o arquivamento do Projeto de Lei porque a Casserv não prestou contas da subvenção recebida no ano de 2020, no valor de R$960.000,00. 

De acordo com o parecer da Comissão de Constituição e Justiça, foram prestadas contas somente de R$327.877,37. Não houve comprovação de aplicação do valor restante do dinheiro público recebido (R$632.122,63). Ainda de acordo com o parecer, a lista possuía nomes repetidos, incompletos e até mesmo de pessoas já falecidas. 

A discussão do assunto na Câmara está disponível no canal do Legislativo Municipal no Youtube.

O Projeto do Executivo para este ano previa uma subvenção ainda maior, de R$ 1.080.000,00. 

Porém, oito vereadores votaram contra quatro, para que a entidade não recebesse esse outro valor, ainda maior que o anterior.

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Varginha (SindServa), Miller Fagundes Jorge, já fez contato com a Prefeitura Municipal para pedir auxílio e assegurar que 100% dos servidores possam contar com um plano de saúde que inclua o direito a internações.

A primeira reunião do presidente do SindServa para tratar desse assunto foi realizada no dia 13/08, com o secretário de Governo Carlos Honório Ottoni Júnior.  Na ocasião, foram relatados problemas com o plano de saúde intermediado pela Casserv, que estava provocando o endividamento de servidores internados por COVID de forma inesperada e até contra sua vontade em hospital particular.

 Também foram apresentadas pelo SINDSERVA alternativas, cuja adoção, porém, por seu alto custo, dependem da sensibilidade do Prefeito e de auxílio da prefeitura.


Confira a nota publicada no site da Casserv

“Informamos, que em virtude da reprovação por maioria, da Câmara Municipal, na última reunião em 25/08/2021, do Projeto de Lei do Executivo Municipal, nº 27/2021, que trata da subvenção para custeio junto ao Hospital Regional do Sul de Minas, as internações para nossos servidores e dependentes associados, estão suspensas”.



 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.