AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Mbappé se diz ansioso para volta de Neymar: "Podemos fazer grandes coisas"

 


A chegada de Messi ao PSG tornou o time francês um dos mais badalados do mundo e gerou expectativa do que o argentino poderia produzir tendo como companheiros de ataque Neymar e Mbappé. Porém, os primeiros meses de parceria não foram tão vistosos assim, e o trio MNM deixou os fãs ansiosos por ver um melhor futebol na segunda metade da temporada 2021/22. E essa ansiedade é compartilhada por Mbappé.

O atacante francês concedeu uma entrevista ao jornal "La Gazzetta dello Sport" e foi questionado sobre o fato de o trio de estrelas ainda não ter apresentado grandes momentos em Paris. Então, listou motivos que atrapalharam a parceria de explodir até agora e citou que o retorno de Neymar, que se recupera de lesão no tornozelo, pode marcar um novo momento.

 - É normal que houvesse muita expectativa em relação a nós. Todos esperam maravilhas quando uma equipe pode contar com jogadores desse nível. Mas não podemos esquecer os episódios que atrasaram as coisas: a lesão do Neymar, a falta de adaptação do Messi e algumas dificuldades no jogo da equipe. Mas quando você tem a oportunidade de jogar com jogadores dessa categoria, só dá para ter confiança.

 Jogar com eles é uma oportunidade incrível para mim, e estou ansioso para Neymar voltar porque acho que podemos fazer grandes coisas com ele na segunda metade da temporada."

— Kylian Mbappé, atacante do PSG

Naturalmente, outro assunto abordado pelo jornal italiano foi o futuro do atleta de 23 anos, que tem contrato com o PSG apenas até o meio do ano que vem, no fim da atual temporada. Depois de Mbappé dizer que queria deixar o clube para rumar ao Real Madrid no início de 2021/22, a expectativa sobre seus próximos passos aumentou - inclusive pela possibilidade de uma mudança de ares na janela que se abre no dia 1º de janeiro, uma hipótese já deixada de lado pelo jogador.

Mbappé deixou claro que não está pensando em seu futuro neste momento, seja uma possível renovação com o PSG ou uma transferência ao fim da temporada. E que está focado em como fazer uma temporada vitoriosa com o time parisiense.

 - Vou responder sobre o meu futuro dizendo que na segunda metade do ano você tem que focar no campo, no futebol. O mais importante é isso na segunda metade da temporada, que é quando você ganha troféus. Acho que não é hora de falar de mim. Todo mundo sabe que sou um grande jogador e, como tal, meu trabalho também é para ser falado em campo. Claro, a situação terá que ser resolvida, porque o tempo passa, mas no momento o futuro não é minha prioridade - resumiu.


GE


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.