AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Mourão afirma que “não vamos mais pagar R$ 4 por litro de gasolina”



O vice-presidente da República, general Hamilton Mourão (PRTB), afirmou nesta quarta-feira (16) que os brasileiros devem se acostumar com o novo patamar dos preços dos combustíveis.

Em declaração a jornalistas, antes de entrar no Palácio do Planalto, seu local de trabalho, Mourão disse que dificilmente os brasileiros voltarão a pagar “ pagar R$ 4 por litro de gasolina”.

“Agora, uma realidade a gente tem que entender: o preço do combustível, fruto até da questão da transição energética que nós temos que viver, ele não vai voltar aos patamares que a gente gostaria. Não vamos mais, na minha visão, pagar R$ 4 por litro de gasolina, vai ser difícil isso acontecer.”

Mourão diz que preço do petróleo é "histeria"

O vice-presidente disse ainda que “essa questão do preço do petróleo é muita histeria”. “Houve uma variação, vamos dizer assim, violenta do preço do petróleo, fruto aí primeiro da questão da pandemia, do retorno da atividade econômica, depois desse conflito absurdo lá na Rússia e na Ucrânia”, afirmou. 

Para Mourão, o mercado internacional está se reequilibrando. “Essa flutuação, acredito que a Petrobras vai encaixar isso aí e vai haver uma redução”, continuou o vice.

O preço do barril do petróleo, que bateu a marca de US$ 139 na semana passada, caiu para menos de US$ 100 nesta terça-feira (15). Diante dessa queda, o presidente Jair Bolsonaro cobrou uma redução nos preços dos combútives nos postos do Brasil.

No entanto, ponderou Mourão, isso não quer dizer que o preço da gasolina baixará vertiginosamente no Brasil. “Pode baixar aí, voltar para o meia dúzia. Mas vamos lembrar que há uns dois, três anos estávamos pagando R$ 4,50, R$ 4,60”, ponderou.

O Tempo


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.