AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Opinião com Luiz Fernando Alfredo 24/03/2022



 Guerra e eleições 2022

Sem nenhum arroubo de vaidade da nossa parte, é importante citarmos nossos acertos já comprovados sobre a trajetória de Bolsonaro (surpresa que balançou o Brasil), provocou um destempero  nas instituições ocupadas pelos esquerdistas e dos ladrões que fizeram de Brasília a cidade dos sonhos de todos os políticos que queriam se dar bem pessoalmente e daqueles que sonhavam com um país diferente, conservador e com objetivos claros, pensando na próxima geração, na sua soberania e desenvolvimento, terminando e iniciando obras, pensadas até por D. Pedro II. 
Com as inovações do Presidente no sistema de gestão técnica sem corrupção, chefiado por pessoas gabaritadas, que não levaram vantagem e muito menos deixaram acontecer corrupções em obras diversas, BNDES, Caixa econômica Federal, Correios e outras dezenas de estatais, sem contar àquelas medidas que desburocratizam, desemperram, difíceis de serem medidas, porém facilitavam os corruptos, contudo, suficientes para diminuírem despesas para todos os brasileiros e reduzir o custo da nossa produção. Números superavitários em geral, há muito tempo perdidos, desaparecidos na malversação e roubalheira.
Acertamos que Bolsonaro teria muitas dificuldades para governar por conta do congresso nacional e servidores públicos admitidos nos 22 anos de FHC, Lula, Dilma e Temer. 
Prognosticamos que o Vice de Bolsonaro teria que ser Mourão ou outro General, para diminuírem a volúpia dos assédios de impeachment, assim como não erramos que os valores enviados para o enfrentamento da pandemia e complemento de arrecadações de toda área pública, exorbitariam às necessidades, tanto que na época tinham vários estados e municípios indo à falência, recuperaram e ainda equilibraram com alguma vantagem contábil nas contas públicas. Não entramos no mérito de corrupções, porque não temos certeza, a não ser em Varginha que conhecemos a seriedade do Município e podemos assegurar a probidade.
Com certeza sempre alertamos que o poder da Rede Globo, que domina ainda, com larga vantagem sua audiência mais a ajuda da CNN (ativista de esquerda) que exporta narrativas para o mundo, iriam colocar dúvidas na cabeça de muitos que votaram em Bolsonaro e também depreciando o Brasil internacionalmente; e realmente aconteceu.
E com tudo isto, ainda mentem sobre a aceitação do petista, porém o “data povo” têm mostrado a popularidade de Bolsonaro que, provavelmente, será eleito no primeiro turno.
Pode até acharem que estamos “navegando na maionese” ou num estado passional grave, contudo já esclarecemos que em matéria de escrever fatos, a lógica tem que prevalecer, juntamente com informações precisas – as coisas que estão acontecendo a favor do petista não coadunam com o senso moral - pois a soltura do Lula foi tão forçada, que parece um brincadeira de mal gosto, até sonhamos que o STF reveja sua posição e prenda o safado. Não deu para aquilatar ainda, que homens probos de notório saber, tenham avalizado que a geografia invalidou às condenações do larápio, pois a realidade é tão crua e nua que salta aos olhos, dando margem a nós leigos, indignarmos quanto a formalidade processual ter suplantado tudo. A bem da verdade Lula não precisava de julgamento, bastava verificarem na receita federal se seus tombos estavam compatíveis com suas pingas.
Lula elegível, depois de tudo que ele fez ao Brasil e seus escândalos internacionais de desvio de recursos para países comunistas, é uma apologia ao crime de responsabilidade e outros, sem precedentes. Quanto tempo durará esta “pérola” nos alfarrábios do sistema jurídico e o que, os descendentes da maioria dos operadores do direito pensarão dos seus genitores, que assistiram tudo e calaram? Avante a omissão, estamos fora da amolação, pois é assim que sempre funcionou nossa nação – parece oração! Pura pusilanimidade! Lógico que sabemos que atuar contra os grandes, às vezes, não é sensato, pois o sol nasceu para todos, mas a sombra, nem tanto.
E têm mais, achamos que o “crime” mais grave do Lula foi eleger Dilma, uma pessoa que demonstrava ter uma inteligência embotada, sem preparo político nenhum, atrasando seis anos de desenvolvimento da nação - voto errado do povo é evidente, mas antes dos eleitores haviam os políticos que os representavam.
Caros leitores, recebemos no zap uma das frases mais sarcástica para o PT, aquele time extremado mesmo. Estava escrito: “Se o PT administrar o deserto do Saara, a areia desaparecerá em dois anos”. Não acreditamos em Lula nas ruas e brasileiros aceitando passivamente, tanto que seus encontros partidários são rigorosamente isolados. Ele discursa para militantes (pequena turba), e a imprensa replica aumentando o volume do evento. 
E a propósito, já pensaram bem, até Lula se acha com moral para criticar Rodrigo Pacheco? Que vergonha hein Pacheco...você não conseguiu ascender e está em decadência. Se sua inteligência seguiu a sua altura, pense, dá tempo de recuperar e ficar como herói. Você é novo, tem muito tempo para abundância material.
Que Deus ajude os brasileiros e políticos de boa vontade e às pessoas que estão sofrendo com a guerra!
Os psicopatas Putin, Zelenski, e o chinês Xi jinping, que está só comendo pelas beiradas e assistindo o enfraquecimento da Rússia dos EUA também, sob a presidência de Biden e assistência de um congresso americano envergonhado e arrependido; um esquerdista incompetente de habilidades políticas duvidosas. 
E a intransigência estúpida do Presidente da Ucrânia, fazendo cena para maioria da imprensa burra reverberar às narrativas; estão afetando o mundo inteiro atoa, por que tudo vai terminar em pizzas de sangue na diplomacia inconsistente recheada de interesses dos mais fortes; o que achamos correto é parar a guerra e que os prejuízos materiais e morais, fiquem entre os comunistas. Mesmo que Ucrânia perca muito da sua soberania, dane-se, o planeta agradecerá.
A OTAN e os Estados Unidos não recuperarão tão cedo a moral altaneira de países civilizados (primeiro mundo) por terem feito as coisas na afoiteza, pelo menos com os seus atuais Chefes de Estados globalistas e alguns esquerdistas.
A não ser que o Putin faça como o Imperador Nero, incendiando Roma só para ver a beleza catastrófica do fogo e suicidar-se com ajuda do seu secretário Epafrodito, nao acreditamos numa terceira guerra mundial, por isto indagamos, por que prolongarem os sofrimentos dos inocentes e desarranjos nos intercâmbios econômicos e abastecimentos de vários países? Que prevaleça a duvidosa diplomacia, urgentemente.




 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.