AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Representante de postos de MG alerta para risco de desabastecimento de diesel



A crise global começa a ameaçar a distribuição de combustíveis no Brasil, principalmente em relação ao diesel. O Minaspetro (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados do Petróleo de Minas Gerais) informou, nesta quinta-feira (24), que a Petrobras está com fornecimento atual de 80% da demanda de diesel, e a situação deve se agravar em abril.

Os 20% restantes para atender a demanda interna deveriam ser supridos por combustível importado, mas a crise global impede que as empresas tragam os produtos do exterior. O Minaspetro alerta que não é necessário a população iniciar uma corrida aos postos.

"A situação ainda está controlada e os órgãos reguladores do mercado têm monitorado o estoque das empresas, a fim de evitar o desabastecimento. É justamente a corrida aos postos que pode causar ainda mais instabilidade no fornecimento", disse a entidade, em nota.

Segundo os representantes das distribuidoras, com o atual valor do preço do petróleo e câmbio, a compra de um navio gera um prejuízo de mais de R$ 100 milhões. As companhias relataram, inclusive, que estão tendo dificuldades para atender suas redes contratadas. 

Para minimizar o impacto da crise no mês que vem, o Minaspetro pede que os postos, principalmente os de marca própria, mantenham os estoques do diesel dentro da margem de segurança e sigam em contato direto com as distribuidoras.


Por O TEMPO




 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.