AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Ameaça de massacre em colégio no Sul de Minas é investigada



A ameaça de um massacre em uma escola particular de Poços de Caldas está sendo apurada pela polícia.

A ameaça foi feita em um dos banheiros do colégio Cepoc. Com canetinha, em cima de um suporte de papel higiênico, foi escrito que um massacre será realizado na unidade ensino nesta sexta-feira (08/04). A diretoria acionou a Polícia Militar que esteve no local na manhã desta quinta-feira (7).

Em vídeo enviado aos pais dos alunos, o diretor pedagógico disse que com o auxílio de imagens das câmeras de segurança espalhadas pelo colégio já foi possível descobrir a sala do aluno que fez a ameaça e muito em breve o autor será descoberto. “A Polícia Militar esteve no colégio e nos acompanhou até a sala do autor para esclarecer com os alunos o fato. Além disso a PM realizará patrulhamento ostensivo nos arredores do colégio afim de evitar que algo aconteça”, disse Artênio de Oliveira.

Foi levantada a hipótese de que a ameaça tenha sido uma brincadeira de mau gosto. No comunicado da escola fica claro que a decisão de enviar os filhos a sala de aula é dos pais. A escola não será fechada e as aulas mantidas.

Assim como aconteceu no colégio de Poços de Caldas, escolas de outras cidades do país também registraram ameaças. No bairro Nova Floresta, região Nordeste de Belo Horizonte houve ameaça através de uma pichação de “Massacre 06/04”. Em Salvador, a Polícia Civil investiga ameaças recebidas. O mesmo aconteceu em Pederneiras-SP.

Fonte: Onda Poços

 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.