AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Casal é preso acusado de sequestrar e torturar jovem de 23 anos em cafezal



A Polícia Militar prendeu na noite desta quinta-feira (31), um casal de 28 e 25 anos, acusado de sequestrar e torturar uma jovem de 23 anos, em um cafezal na zona rural de Três Pontas.

De acordo com a PM, a jovem que trabalha de auxiliar de produção, voltava para casa no fim da tarde, quando foi abordada pela sua vizinha, que estava com o namorado em um carro. A mulher teria questionado a jovem sobre uma mensagem para o ex-companheiro dela, mas a vítima negou ter enviado tal mensagem. Os dois trabalham na mesma empresa, mas a vítima diz não ter contato com ele.

Ela mandou que a jovem entrasse no veículo, para que elas “resolvessem o problema” mas ela se negou e então foi ameaçada. O casal então colocou-a a força pelo casal dentro do carro.

Eles atravessaram a cidade e a todo momento faziam ameaças contra a jovem usando uma tesoura e dizia que se reagisse poderia matá-la. Os suspeitos levaram a vítima até um cafezal na região da Faxina. Quando eles chegaram, a mulher segurou a jovem e o rapaz amarrou suas mãos com um fio. Eles colocaram ela deitada de frente para o chão. A acusada então começou a cortar o cabelo da vítima usando a tesoura e fazendo ameaças.

Eles fugiram do local e deixaram a jovem no cafezal, porém, antes disseram para ela que caso contasse o que havia acontecido para alguém, eles irem matá-la. Eles fugiram levando em direção a cidade levando o aparelho celular dela.

Não há informações sobre como ela conseguiu se soltar e voltar para sua residência. A Polícia Militar foi acionada pela família da vítima depois que ela chegou em casa. Ela estava completamente nervosa, escondia a cabeça usando uma toalha de vergonha por ter tido seus cabelos cortados.

Segundo a PM, os suspeitos foram localizados em um bar perto da casa da vítima. Eles estavam bastante tranquilos e nenhum momento demonstraram estarem arrependidos. O casal foi preso e o carro utilizado no crime foi apreendido.

Eles confessaram o crime e contaram que haviam levado o veículo em um lava jato e haviam deixado a tesoura usada para cortar o cabelo da jovem. Os policiais foram ao local e apreenderam o objeto. Parte do celular da vítima foi encontrado em um bueiro n bairro Santana.

Os acusados foram encaminhados para o Quartel da PM e depois conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil de plantão de Varginha. A ocorrência foi registrada como tortura, mas eles devem responder por sequestro qualificado pelo sofrimento físico e mental da vítima.

Equipe Positiva




 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.