AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Menino de 3 anos morre após receber alta 2 vezes; irmão acusa negligência

Foto: Instagram/Reprodução


João Gabriel, de três aos, morreu nessa segunda-feira (18) no hospital municipal de Itatira, interior do Ceará, após ter sido liberado duas vezes na instituição. O irmão da criança, Paulo Henrique, que é influenciador digital, alegou, em uma série de publicações no Instagram, que houve negligência médica.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde lamentou a morte do menino e informou que o médico responsável foi afastado temporariamente. A pasta alega esta “tomando todas as providências e medidas para apurar o procedimento de atendimento a criança em nossa rede de saúde. Estamos apurando a conduta do médico e tomaremos todas as medidas cabíveis”. 

“Afastamos temporariamente o médico que fez o atendimento a criança, e estamos acompanhando o caso, para que de forma justa e verdadeira possamos dar uma resposta a família e a nossa sociedade itatirense. Sabemos que nada vai amenizar a dor da perda de uma criança cheia de vida e querida por todos, nos solidarizamos com a dor dos familiares e estamos buscando todos os meios cabíveis junto a órgãos responsáveis para apurar com exatidão o caso”, completa o texto.

O irmão de João Gabriel relatou que o garoto sofreu 39 graus de febre nesse domingo (17) e foi levado ao hospital. “O médico atendeu, passou uma injeção, ele tomou a injeção e passou uns remédios para a minha mãe comprar e ela comprou. Ele tomou a injeção e nada da febre dele baixar, aí nós levamos para o enfermeiro. O enfermeiro deu um remédio que baixou a febre, ele melhorou mais e nós viemos para casa", afirma.

Na madrugada de segunda-feira, o menino apresentou pior no quadro clínico quando estava em casa, e a família voltou ao hospital. "Quando foi 1h da manhã meu irmão começou a gemer, falando de uma dor na barriga, a febre ficando muito alta de novo e nós levamos para o hospital novamente. Chegando lá, o vigia foi chamar o médico, o médico demorou mais de 30 minutos para descer. Ele passou mais duas injeções para o meu irmão, sendo que ele já tinha tomado uma, e a febre dele não baixou, estava em 38,1 graus e o médico mandou a gente vim para casa", acrescenta o influenciador.

"Quando ele chamou minha mãe ele já estava bem roxinho. Aí minha mãe deu entrada no hospital novamente com ele. Chegou lá o médico o botou no soro. Quando foi 12h meu irmão começou a passar mal, tentaram reanimar, mas ele morreu", conclui. Paulo diz que a família pediu para que João Gabriel fosse transferido para um hospital em Canindé, mas o óbito ocorreu antes.


Por O TEMPO


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.