AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Morte de bebê de 28 dias foi natural, segundo o IML de Poços de Caldas



Um laudo emitido pelo Instituto Médico Legal de Poços de Caldas concluiu que a morte de bebê de 28 dias de Andradas, foi considerada natural. Caso havia sido tratado inicialmente como uma suspeita de envenenamento.

Segundo consta no laudo, a causa da morte teria sido uma septicemia, uma doença complexa e potencialmente grave, que é desencadeada por uma resposta inflamatória sistêmica diante de uma infecção, na maior parte das vezes causada por bactéria.

 

O caso

O bebê morreu em Andradas na noite de quinta-feira, 28 de abril, com suspeita de envenenamento. Garoto era de Ibitiúra de Minas e morreu após ser atendido na Santa Casa andradense.

De acordo com a Polícia Militar, a criança havia dado entrada no hospital por volta das 17h57 e o médico que a atendeu havia suspeitado de envenenamento.

Após a morte da criança, o corpo havia sido encaminhado para IML de Poços de Caldas para análise da causa do óbito.


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.