AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Crianças apresentam baixa adesão às campanhas vacinais de gripe e sarampo na região de Varginha, aponta SES-MG

Foto: PMF


 Dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) apontam que o público infantil dos municípios que fazem parte da Superintendência Regional de Saúde de Varginha (SRS) vem demonstrando, nas últimas análises de imunização, baixa adesão às campanhas de gripe e sarampo.

As crianças compõem parte do público-alvo das duas campanhas e, no caso da gripe, juntamente ao público das gestantes e puérperas, vêm apresentando baixos índices de cobertura.

Conforme o governo, até 20 de maio, 134.348 pessoas haviam sido imunizadas contra a gripe, dos 342.343 indivíduos estimados para a campanha, na região.

Para cálculo de cobertura vacinal, foram considerados os seguintes grupos: crianças, trabalhadores da saúde, gestantes e puérperas, indígenas, idosos e professores - que representaram 48,01% de cobertura, enquanto a meta para esta campanha é de 90%. Estes índices estão em sintonia com a situação da vacinação a nível estadual, que também tem sofrido com a baixa adesão do público.


Campanha contra o sarampo

Em se tratando da campanha do sarampo, estimava-se imunizar 49.038 crianças de 6 meses a menores de 5 anos da região da SRS Varginha, nos 50 municípios da região da SRS. Até 20 de maio, 24.164 crianças haviam recebido a dose do imunizante, o que representa 49,28% da cobertura total, longe da meta de 95% estipulada para esta campanha.  

Já os trabalhadores de saúde - outro público contemplado pela campanha de vacinação contra o sarampo e que totaliza 22.079 indivíduos - possuíam, até a análise datada de 20/5, um total de 56% de cobertura, sendo 12.371 doses aplicadas.

Apesar dos números estarem abaixo da meta estipulada, a SRS Varginha segue como a quinta Regional de Saúde do Estado com maior número de doses de vacina contra sarampo aplicadas.

“Estamos num momento de aumento de casos de doenças respiratórias pelas baixas temperaturas e ainda precisamos interromper um surto de sarampo que o Brasil está vivenciando. 

Assim, precisamos do apoio da nossa população para levar seus filhos para vacinar e também das gestantes, puérperas e profissionais de saúde”, disse Aline Ribeiro Soares, coordenadora de Vigilância em Saúde da SRS Varginha. As campanhas possuem previsão de encerramento no dia 3/6.

Fonte: G1




 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.