AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Valores a receber: Consulta a 'dinheiro esquecido' em bancos segue parada



consulta a 'dinheiro esquecido' em bancos no site valoresareceber.bcb.gov.br segue parada e sem previsão de ser retomada. A greve dos servidores do Banco Central do Brasil (BC) adiou a nova fase, prevista para começar em 2 de maio. 

Na semana passada, o BC avisou em nota que "a greve dos servidores do BC prejudicou o cronograma de desenvolvimento das melhorias do Sistema de Valores a Receber (SVR). O prazo de retorno do SVR, inicialmente previsto para 2 de maio, será adiado. A nova data será comunicada com a devida antecedência". 

Quem acessa o site valoresareceber.bcb.gov.br encontra a seguinte mensagem: 

"As consultas ao Sistema de Valores a Receber (SVR) estão temporariamente suspensas para aprimoramento. Em breve, o Banco Central divulgará: a data de reabertura do sistema para novas consultas e resgate dos saldos existentes; e informações sobre valores de falecidos. Enquanto isso, estamos trabalhando em melhorias do SVR e na inclusão de novos valores." 

Nova fase de consulta vai incluir novas fontes de 'dinheiro esquecido' 

Quando começar, a nova fase de consulta a 'dinheiro esquecido' em bancos e instituições financeira vai incluir mais sete novas fontes de recursos que não foram sacados

Prevista para começar em maio, a segunda fase da consulta a valores esquecidos terá cerca de R$ 4,1 bilhões a serem devolvidos em sete novos casos possíveis de esquecimento. São eles: 

Tarifas cobradas indevidamente, não previstas em Termos de Compromisso assinados pelo banco com o BC; 

Parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito cobradas indevidamente, não previstas em Termos de Compromisso assinados pelo banco com o BC; 

Contas de pagamento pré-paga e pós-paga encerradas com saldo disponível

Contas de registro mantidas por sociedades corretoras de títulos e valores mobiliários e por sociedades distribuidoras de títulos e valores mobiliários para registro de operações de clientes encerradas com saldo disponível; 

Entidades em liquidação extrajudicial

Fundo Garantidor de Crédito

Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito

Na primeira fase de consulta ao dinheiro esquecido, encerrada em abril, os casos possíveis de recebimento do dinheiro esquecido foram: 

contas-correntes ou poupança encerradas com saldo disponível; 

tarifas e parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito cobradas indevidamente, desde que a devolução esteja prevista em Termo de Compromisso assinado pelo banco com o BC; 

cotas de capital e rateio de sobras líquidas de beneficiários e participantes de cooperativas de crédito, 

recursos não procurados relativos a grupos de consórcio encerrados. 


Veja passo-a-passo da consulta e sacar dinheiro esquecido em bancos

Acesse o site valoresareceber.bcb.gov.br;

Use seu CPF e data de nascimento ou CNPJ e data de abertura da empresa para consultar se você tem valores a receber; 

Caso positivo, guarde bem a data que o sistema vai lhe informar 

Se você ainda não tiver login Gov.br, faça seu cadastro gratuito no site ou pelo App Gov.br (Google Play e App Store). Você vai precisar de um cadastro Gov.br nível prata ou ouro para solicitar os recursos. Não será possível acessar o sistema com login Registrato; 

Volte ao site valoresareceber.bcb.gov.br na data informada e use seu login Gov.br para acessar o sistema, saber qual o valor disponível e solicitar sua transferência, 

Se você perder sua data de resgate, acesse novamente o site valoresareceber.bcb.gov.br em outro dia e o sistema vai informar uma nova data para retorno.


Fonte: Valor Investe

Foto: Getty Images


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.