AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Projetos sociais de amparo ao idoso em Varginha e região são selecionados em chamada pública da Cemig

Foto: Divulgação / Cemig



 A Cemig apoia projetos de cunho social, participativo e educacional que buscam a proteção, atendimento e estruturação da rede de apoio à pessoa idosa no estado de Minas Gerais, visando à ampliação e melhoria das ações voltadas a essa população.  Os recursos são destinados, por edital de chamada pública, para projetos aprovados e aptos à captação via Fundo do Idoso por meio da Lei Federal de incentivo fiscal. Empreendedorismo, geração de renda, diversidade, saúde, cultura e inclusão digital estão entre as características priorizadas na classificação dos proponentes. Projetos de Varginha foram selecionados por este processo e estão recebendo recursos que somam cerca de R$ 320 mil.   

Uma das iniciativas apoiadas pela Cemig, o projeto do Conselho Metropolitano Pouso Alegre da Sociedade São Vicente de Paulo vai oferecer, de forma gratuita, capacitação e formação de recursos humanos que atuam em instituições de longa permanência de idosos, visando a orientação, o acompanhamento e o aperfeiçoamento dos serviços prestados a esse público específico da Política de Assistência Social.  

O Lar São Vicente de Paulo, em Varginha, também foi contemplado com recursos da chamada pública da Cemig, que vão contribuir para a manutenção da instituição, que atende 54 idosos no município.   Segundo Thais Mendes Pereira, assistente social e gestora do Lar São Vicente de Paulo, a aprovação do projeto por meio da chamada pública contribuiu para a garantia da melhor qualidade de vida e do atendimento prestado atualmente aos idosos residentes no Lar. “O recurso chegou num momento muito importante e delicado para o Lar, uma vez que com a pandemia, houve uma queda brusca na captação de recursos e um aumento expressivo das despesas com itens básicos de consumo diário. A aprovação do projeto e a destinação destes recursos pela Cemig, via Fundo do Idoso, está fazendo toda a diferença na manutenção das nossas atividades", afirma. 

De acordo com o gerente de Sustentabilidade Empresarial da Cemig, Adiéliton Galvão de Freitas, a companhia está comprometida em continuar atuando como um dos mais importantes atores de investimentos social no estado de Minas Gerais. “Além do foco em desenvolvimento social e educacional, fortalecimento do setor cultural e incremento do setor esportivo, estamos priorizando o atendimento à população idosa, com ênfase no público dessa faixa etária que esteja em situação de vulnerabilidade social e vínculos familiares enfraquecidos. Nos últimos três anos, foram destinados mais de dez milhões de reais para o Fundo do Idoso em todas as regiões de Minas, beneficiando mais de 15 mil idosos em todo o estado”, explica.    


Fundo do Idoso   

A captação de recursos é realizada via Fundo Municipal ou Estadual do Idoso, que tem como objetivo financiar projetos que atuem na garantia da promoção, proteção e defesa dos direitos da Pessoa Idosa. As organizações do Terceiro Setor devem submeter os projetos a avaliação realizada por meio de Edital pelo Conselho Municipal ou Estadual do Idoso, buscando assim, recursos para realizarem ações pertinentes ao público-alvo.   


Chamada pública - seleção do 3º trimestre de 2022      

Atenta ao fato de que a proporção de pessoas da chamada terceira idade vem crescendo rapidamente no país, a Cemig realiza chamadas públicas visando selecionar projetos em benefício das pessoas idosas.    

Projetos voltados para a pessoa idosa em todas as regiões do estado podem participar ?do processo seletivo ainda em 2022. As inscrições poderão ser feitas até às 18h do dia 15 de julho. Todas as informações sobre esse processo estão no Edital que consta no Portal da Cemig. 




 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.