AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

Empresário Industrial se mantém confiante há 24 meses, apesar de recuo no otimismo em julho

 

Foto: Ilustração / Google


O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) recuou 1,4 ponto em relação a junho (58,4 pontos) e marcou 57 pontos em julho. Apesar da queda, o indicador mostra que os industriais se mantêm confiantes pelo 24º mês consecutivo, ao permanecer acima da linha dos 50 pontos, e se posiciona 4,3 pontos superior à média histórica mensal (52,7 pontos).

Vale destacar que os resultados vêm mantendo uma rotina de oscilações entre quedas e altas desde o início do ano. A melhora do mercado de trabalho, a demanda externa favorável e os estímulos fiscais concedidos pelo governo contribuíram para a manutenção do otimismo do setor.


Preocupações

Contudo, seguem a preocupação com a inflação e os juros elevados e a incerteza diante das eleições que se aproximam. Na comparação com julho de 2021 (62,4 pontos), o índice caiu 5,4 pontos. O ICEI nacional ficou estável entre junho e julho, em 57,8 pontos, e mostrou confiança dos industriais brasileiros pelo 24º mês seguido.

O ICEI resulta da ponderação dos índices de condições atuais e de expectativas, que variam de 0 a 100 pontos. Valores acima de 50 pontos indicam percepção de situação atual melhor e expectativa positiva para os próximos seis meses, respectivamente. O componente de condições atuais caiu 1,8 ponto frente a junho (53,3 pontos), registrando 51,5 pontos em julho. O resultado – acima de 50 pontos – revela que os empresários perceberam melhora na situação atual, embora com menos intensidade. Ante julho de 2021 (57,1 pontos), o índice recuou 5,6 pontos.

Fonte: FIEMG


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.