AS ULTIMAS


POLÍTICA

COLUNAS

ESPORTES

UFMG autoriza acesso a câmeras para família de estudante que está em coma

(foto: Reprodução/Redes Sociais)


A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) entrou em contato com a família da estudante de química Juliana Vieira, que está em coma, para autorizar o acesso às câmeras de vigilância do local onde a jovem foi encontrada, às 22h05 da última quinta-feira (14/7), no campus Pampulha.

Às 21h40 de quinta, a jovem de 21 anos estava em um bar em frente à instituição e se afastou dos amigos para buscar água, segundo informações de colegas e familiares. Uma aluna encontrou a jovem sem conseguir falar e tendo convulsões e chamou o Samu para prestar socorro.

Inicialmente, Juliana foi internada no Hospital João XXIII mas, por ainda não ter sido diagnosticada, deve ser transferida para o Hospital Vila da Serra, na vizinha Nova Lima.

UFMG divulga nota

Em nota, a UFMG lamentou o acidente. A universidade informou que, às 22h15, a Divisão de Segurança Universitária foi acionada e acompanhou a chegada e o atendimento feito pela equipe de socorristas do Samu.


"Desde então, a UFMG colocou-se à disposição da família, prestando-lhe as informações e oferecendo o apoio necessário", finaliza a nota.



EM


 
Todos os Direitos Reservados - Notícias do Renan © 2017
Desenvolvido por: Renan Lenzi.