top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

11 pessoas são presas pela PCMG durante operação Aletheia realizada na região, Sul de Minas

A operação contou com 35 policiais civis das delegacias em Três Pontas, Varginha, Boa Esperança, Elói Mendes, Guapé e Campo Belo, além de cinco policiais penais.


Foto: PCMG
Onze pessoas, com idades entre 19 e 36 anos, foram presas pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), na manhã desta terça-feira (9/1), durante a operação Aletheia, desencadeada na cidade de Três Pontas, no Sul do estado. Entre os presos, sete foram detidos em virtude de mandado judicial preventivo e outros quatro, em flagrante por tráfico e posse ilegal de arma de fogo.

Ainda no curso dos trabalhos, equipes da PCMG cumpriram dez ordens de busca e apreensão em diversos bairros da cidade, resultando na localização de mais de dois mil pinos de cocaína, oito tabletes e outras porções pequenas de maconha, uma pedra grande de crack, uma porção de haxixe, duas espingardas calibres 12 e 28, dez munições calibre 12, duas balanças de precisão, pequena quantia em dinheiro, material para embalar drogas, além de oito gaiolas com pássaros mantidos de forma irregular (encaminhados à Polícia Militar Ambiental).

A ação teve como alvo um grupo criminoso suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas na cidade.

Início dos trabalhos

As investigações iniciaram após o roubo de uma camionete, ocorrido no dia 23 de novembro de 2023, em Três Pontas. Na ocasião, dois homens armados desembarcaram de uma moto, abordaram a vítima que se preparava para entrar no veículo e anunciaram o crime.

Os suspeitos teriam obrigado a vítima a entrar no carro, mas, quando se preparavam para dar partida no veículo, ela se aproveitou de um descuido e conseguiu desembarcar da camionete. Diante disso, os suspeitos fugiram em alta velocidade.

A Polícia Militar foi imediatamente acionada, realizando rastreamento na região. Na oportunidade, os militares localizaram a camionete parada no pátio de um restaurante em Perdões, a cerca de 80 quilômetros de distância, porém, os suspeitos não foram encontrados.

Por meio de investigações, a PCMG identificou sete pessoas envolvidas no crime, sendo os dois executores que aparecem nas filmagens, um terceiro que recebeu o veículo e o conduziu para Perdões, além de outros quatro que participaram do planejamento do crime. A ação, ainda segundo as apurações da Polícia Civil, ocorreu a mando de traficantes atuantes na cidade, como forma de quitar dívidas de drogas dos executores.

Aletheia

A operação contou com 35 policiais civis das delegacias em Três Pontas, Varginha, Boa Esperança, Elói Mendes, Guapé e Campo Belo, além de cinco policiais penais.
O nome escolhido para a operação, Aletheia, deriva do grego e significa verdade ou não escondido.

Fonte: PCMG


bottom of page