top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Arma de uso restrito, joias, computadores e celulares apreendidos em Itajubá, MG

Homem preso é suspeito de roubos em restaurante, mercearia, cafeteria e sorveteria 


FOTO: Divulgação/PCMG

Uma arma de fogo de uso restrito modelo Pistola Glock G19X, além de joias, celulares, computadores e drogas foram apreendidos pela Polícia Civil de Itajubá na denominada “Operação Luger”, deflagrada esta semana para combater o crime organizado e tráfico de drogas na cidade, após denúncias chegadas ao órgão de segurança.

Nesta quarta-feira (24) investigadores da Delegacia Regional da Polícia Civil em Itajubá localizaram a arma de fogo furtada dias antes numa residência. O objeto estava enterrado em meio ao matagal no bairro Santo Antônio. Outros equipamentos furtados ainda não foram localizados.

No dia anterior policiais prenderam um suspeito de 41 anos que estaria envolvido em vários roubos ocorridos em Itajubá e região, entre eles os que foram alvos estabelecimentos comerciais, como restaurantes, mercearia, cafeteria e sorveteria. No cumprimento das cautelares durante a operação foram encontrados joias, celulares, computadores e drogas, além de outros elementos que subsidiarão o inquérito policial.

A arma pivô da operação foi levada de uma residência no dia 7 de janeiro. Desde então as investigações ganharam desdobramento e culminaram com a prisão do suspeito da execução de inúmeros furtos e roubos qualificados.

Durante a ação policial, o investigado tentou fugir e caiu em uma casa vizinha. Ele se feriu e machucou outras pessoas da residência também, contudo, todos foram imediatamente socorridos e passaram por atendimento médico. Mesmo depois que a prisão do homem foi formalizada, ele ainda ameaçou os policiais civis. Depois, o suspeito foi encaminhado ao sistema prisional.

Fonte: Portal da Cidade Pouso Alegre, com informações da PCMG

bottom of page