top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Atentado suicida contra edifício militar mata 23 no Paquistão

23 pessoas morreram em um atentado suicida na terça-feira (12) contra uma delegacia policial no noroeste do Paquistão, em um ataque reivindicado por um grupo vinculado aos talibãs paquistaneses, informou uma fonte das forças de segurança que pediu anonimato.
O ataque aconteceu durante a noite no distrito de Dera Ismail Khan, perto da fronteira com o Afeganistão, uma região que registrou vários atentados nos últimos meses.
O local estava sendo utilizado pelo Exército Paquistanês como acampamento base.
"Muitas pessoas morreram quando estavam dormindo e estavam com roupas civis. Estamos tentando estabelecer se todos eram militares", declarou a fonte à AFP.
27 pessoas ficaram feridas.
O 'Tehreek-e-Jihad Pakistan' (TJP), um novo grupo vinculado aos talibãs paquistaneses do 'Tehreek-e-Taliban Pakistan' (TTP), reivindicou ataque.
O Exército paquistanês não se pronunciou sobre o ataque.
O Paquistão registrou nos últimos meses, especialmente desde o retorno dos talibãs ao poder em Cabul, em agosto de 2021, o aumento da violência, em particular nas regiões fronteiriças com o Afeganistão.
Islamabad considera que alguns ataques são planejados no território afegão, o que Cabul nega.
Fonte: G1

bottom of page