top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Avião dá meia volta após passageiro peidar excessivamente durante embarque

A tripulação de um vôo de Phoenix, no Arizona, para o Austin, no Texas, ficou revoltada por ter a viagem atrasada. O motivo? Um homem estava peidando excessivamente e o fedor espalhado pela aeronave fez com que o piloto desse meia volta para o portão de embarque. O caso vem ganhando notoriedade na rede social Reddit.
“Antes de a maioria das pessoas embarcar, observei que este homem estava visivelmente descontente com alguma coisa, talvez de ressaca, um dia difícil, não sei, mas assim que ele se sentou, ele estava resmungando sobre algo baixinho, como 'maldito inferno' ou algo assim”, escreveu um usuário, que estava presente no voo, na rede social.
Depois que a maioria dos passageiros embarcou, o homem teria dito com alguém: “Você achou isso rude? Bem, que tal esse cheiro?”. E começou a liberar mais gases. “(Não sei) o que provocou esse comentário e, embora seja engraçado de ouvir, foi desnecessário, especialmente vindo de um homem adulto em um avião”, relatou o usuário.
O comportamento rude do passageiro que peidava excessivamente não terminou aí. Ele continuou liberando gases de forma proposital e um bate-boca entre os passageiros iniciou-se.
A certa altura, os comissários de bordo intervieram e disseram ao transgressor: “Já chega”.O avião estava taxiando até a pista, mas parou, segundo informações postadas no Reedit.
Depois de alguns minutos, foi feito um anúncio para toda tripulação: "Desculpas pela interrupção, mas estamos voltando ao portão, daremos mais informações quando tivermos".
“Voltamos ao portão e um comissário volta e avisa ao peidorreiro que não vai ficar neste voo. Ele simplesmente responde: ‘Não entendo’ e ela diz que eles conversarão sobre isso fora do avião.”
O homem pegou sua bolsa e saiu da aeronave.
“Todos nós respiramos aliviados quando ele foi removido, acho que a maioria das pessoas estava nervosa sobre o que ele poderia dizer ou fazer a seguir. A viagem atrasou apenas 15 a 30 minutos, então, no geral, acho que a American lidou com isso rapidamente”, acrescentou.
Fonte: O Tempo
bottom of page