top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Bandeira de Israel é projetada na fachada do Senado Federal após ataques do Hamas


Reprodução/X


A bandeira de Israel foi projetada, na noite de domingo (8), na cúpula do Senado Federal em Brasília. O país foi, na segunda-feira (9), para o terceiro dia de conflitos com o Hamas, classificado pelos Estados Unidos e pela União Europeia como grupo terrorista.

Segundo o senador Davi Alcolumbre (União Brasil-AP), a ação foi feita em solidariedade às vítimas, aos feridos e aos desaparecidos israelenses.

“Agradeço imensamente ao presidente Rodrigo Pacheco (PSD-MG) por ter acatado o meu pedido para iluminar a cúpula do Senado em apoio ao povo de Israel nesse momento de grande sofrimento e dor”, afirmou Alcolumbre nas redes sociais aos divulgar a imagem da fachada do Senado.
O senador amapaense foi o primeiro judeu a assumir a presidência do Senado, em 2019.

Repatriação de brasileiros
O governo federal informou que o primeiro avião para repatriação de brasileiros que estão em Israel decolou da Base Aérea de Natal no domingo (8). A aeronave, modelo KC-30, com capacidade par 238 passageiros, irá até Roma, na Itália, e aguardará coordenação do Ministério das Relações Exteriores.

Ao menos 500 brasileiros entraram em contato com a embaixada brasileira em Israel para conseguir orientações, de acordo com fontes do governo brasileiro, após os ataques do grupo islâmico Hamas, classificado pelos Estados Unidos e pela União Europeia como grupo terrorista.

Não há informações sobre a quantidade de pessoas que desejam retornar ao Brasil. A maioria dos que procuraram a representação é de turistas.
O governo deve preparar até a manhã desta segunda-feira uma lista com aqueles que desejam retornar ao país. A Aeronáutica tem seis aviões destinados à operação de repatriação.

Fonte: CNN

Comments


bottom of page