top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Barragem da Vale deixa situação de emergência em Minas




A barragem PEDE3, na mina Brucutu, em São Gonçalo do Rio Abaixo, na região Central de Minas Gerais, teve a situação de emergência encerrada nessa terça-feira (5 de agosto), divulgou a mineradora Vale, responsável pela estrutura. A medida ocorreu após a declaração de condição de estabilidade (DCE).
Segundo a Vale, em 2023, três estruturas da empresa tiveram o nível de emergência encerrado e obtiveram as DCEs positivas; 20 ainda mantêm algum nível de emergência. “Todas as que recebiam rejeitos estão inativas e 11 estão em processo de descaracterização”, disse a mineradora.
Segundo a Vale, as barragens “são monitoradas permanentemente e recebem ações contínuas para aprimorar a segurança”.

Estabilidade da barragem PDE3
Segundo a Vale, para obtenção da declaração de estabilidade, a barragem passou por obras de reforço. A estrutura contém em torno de 70 mil m³ de sedimentos e foi construída pelo método de etapa única.
“As ações foram devidamente comunicadas aos órgãos competentes, conforme as diretrizes estabelecidas no Plano de Ação de Emergência de Barragens de Mineração (PAEBM) das estruturas e na legislação vigente, incluindo a Agência Nacional de Mineração (ANM), o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), Fundação Estadual do Meio Ambiente (FEAM), Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SEMAD), Defesa Civil Estadual e Municipal e a auditoria técnica que acompanha os trabalhos na estrutura”, informou a Vale.
Fonte: O TEMPO

Comments


bottom of page