top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Dados apontam que submarino desaparecido ainda tem 41 horas com oxigênio, diz Guarda




O submarino OceanGate Titan, que desapareceu durante uma expedição turística nos destroços do Titanic na costa do Canadá, no último domingo (18), é operado por um controle de videogame que custa 42 euros (cerca de R$ 219). Um vídeo do interior do submarino mostra que ele é operado por um controle de videogame do modelo Logitech F710. Segundo o jornal The Mirror, o equipamento sofreu algumas alterações para ser utilizado na embarcação.

O OceanGate Titan possui ainda três telas e teclados para o monitoramento. Em vídeo gravado para a CBC no ano passado, o CEO da OceanGate, Stockton Rush, mostrou o interior da embarcação de 6,4 metros de comprimento. O submarino pode chegar a 4 mil metros de profundidade e atingir uma velocidade de 5,5 km/h. A estrutura é feita com fibra de carbono e titânio, segundo a empresa.

"Tudo parecia amador", disse à TV Globo David Pongue, da CBS News, que já fez um passeio no veículo. Segundo ele, a embarcação teve falhas de comunicação com a superfície e ficou perdido por duas horas e 30 minutos.
Expedição custa mais de R$ 1 milhão por pessoa
Os mergulhos exclusivos custam US$ 250 mil (cerca de R$ 1,192 milhão) por pessoa. A expedição dura oito dias e o pacote também inclui opção de mergulho de oito horas até os destroços da embarcação inglesa afundada em 1912 após se chocar contra um iceberg. A empresa privada que opera o submarino, OceanGate Expeditions, diz estar "mobilizando todas as opções" para resgatar as pessoas a bordo.

Os EUA e o Canadá continuam as buscas na costa sudeste canadense com navios e aviões. Segundo a Reuters, boias de sonar, que podem monitorar uma profundidade de 3.962 metros, também estão sendo utilizadas.

Um piloto e quatro passageiros estão na embarcação. São eles: o bilionário Hamish Harding, o empresário Shahzada Dawood e seu filho, Suleman e o capitão da expedição Paul-Henry Nargeolet, considerado um dos maiores especialistas do naufrágio do Titanic. Ainda não se sabe a identidade do quinto tripulante.

A Guarda Costeira prevê que o submarino tenha entre 70 e 96 horas de oxigênio. O contra-almirante da Guarda Costeira dos EUA, John Mauger, disse que as buscas são "complexas" e estão sendo feitas na superfície e embaixo d'água.

Fonte: O TEMPO

Participe do Grupo do Jornal Gazeta de Varginha no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui

Comments


bottom of page