top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Filho de romeiro varginhense desaparecido, interrompe buscas pelo pai após alarmes falsos: “Não há mais locais para procurar”


Reprodução EPTV


A família do romeiro Pedro Donizeti Francisco, que desapareceu entre MG e SP, na Serra do Piquete, informou que suspendeu as buscas pelo idoso. Ele integrava uma romaria que partiu de Varginha com destino a Aparecida (SP).

A informação foi repassada para a EPTV, afiliada Globo, pelo filho do romeiro. De acordo com ele, a decisão aconteceu depois de uma nova informação falsa.
A gente teve um alarme falso de ir lá em Aparecida. Pegamos o carro, tocamos pra lá, chegamos lá, mas ninguém viu, ninguém sabe. Agora a gente também encerrou as buscas, porque não tem onde procurar mais. É uma coisa muito triste, mas não tem outra saída”, afirmou Pedro Augusto Francisco, filho do romeiro.

Quem tiver informações sobre o paradeiro do romeiro desaparecido, pode informar as autoridades na base mais próxima da Polícia Militar ou do Corpo de Bombeiros. O contato pode ser feito também por telefone, com a PM pelo 190 ou com os bombeiros pelo 193.

Dificuldade de informação
Assim como a família, os bombeiros também alertaram que a falta de informações é a principal dificuldade encontrada pela equipe. Além de serem mínimas, os alarmes falsos também prejudicam o trabalho de buscas.

“A principal problemática da gente, a principal dificuldade é a informação, porque as informações são mínimas, é só que ele desapareceu na trilha. O último que avistou foi o filho, mas foi um lapso de tempo bem curto que o filho falou que saiu um pouquinho da trilha e o pai desapareceu. Não temos informação de que outro romeiro viu ele acessar outro ponto da trilha, então informação é a nossa principal dificuldade”, afirmou o 1º tenente do Corpo de Bombeiros de São Paulo, Luís Müller da Costa.

Ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, outra dificuldade encontradas pelos militares é o terreno, que é muito acidentado e de mata fechada.

Desaparecimento
Um romeiro que saiu de Varginha com destino a Aparecida está desaparecido. Segundo o Corpo de Bombeiros, ele desapareceu na divisa entre Minas Gerais e São Paulo.

Segundo integrantes da romaria, o idoso se chama Pedro Donizeti Francisco e é morador da região da Ilha do Salto, zona rural de Varginha. Esta é a segunda vez que ele participa da caminhada.

A princípio, os bombeiros informaram que a vítima teria 77 anos. No entanto, a família relatou a idade de 69 anos. Romeiros que estavam no local tentaram encontrar o integrante da romaria, que saiu na quarta-feira (20) com destino ao Santuário de Aparecida.

O idoso teria desaparecido por volta de 13h de segunda-feira (25).
Segundo integrantes da romaria, o idoso saiu com o grupo da "Romaria do Zuca" na companhia de dois filhos e um neto. Os filhos e integrantes da organização ajudaram nas buscas.

A família registrou um boletim de ocorrência do desaparecimento do romeiro na delegacia da Polícia Civil em Guaratinguetá (SP).
Fonte: G1

Commentaires


bottom of page