top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Homem é sentenciado a 16 anos de prisão por homicídio de ex-companheira com tiro de espingarda em área rural de MG.

Foto:  Reprodução EPTV
A sentença foi anunciada na quinta-feira (11). Fábio Gaspar Maciel foi condenado pelo crime de feminicídio e cumprirá pena em regime fechado, além de ser obrigado a pagar R$ 100 mil em danos aos familiares.

O incidente ocorreu em março de 2023, quando Lídia da Costa Sousa, de 26 anos, foi mortalmente ferida por disparo de arma de fogo pelo então namorado. Antes do trágico evento, a vítima enviou um áudio para uma amiga, registrando a conversa com o agressor, que estava do lado de fora da residência, solicitando um encontro. Ela recusou e pediu-lhe para partir. Durante a madrugada, a Polícia Militar de Resende (RJ) foi alertada e o corpo da vítima foi encontrado..

A mulher negou e pediu para o namorado ir embora. Durante a madrugada, a Polícia Militar de Resende (RJ) foi acionada e o corpo da mulher foi encontrado.
 
Fábio foi preso no dia 23 após se apresentar no posto da Polícia Rodoviária Federal, no distrito de Santana do Capivari, em Pouso Alto.
O casal namorou por 6 anos e Fábio não aceitava o fim da relação.
Fonte: G1

Comments


bottom of page