top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Incidência de dengue em Minas Gerais aumenta quase seis vezes em 10 dias

Coeficiente de incidência no estado disparou de 152 casos para cada 100 mil habitantes no último dia 2 para 836 até o dia 12.


O Brasil já teve mais de 500 mil casos prováveis de dengue em 2024 — Foto: Getty Images/BBC
A incidência de dengue em Minas Gerais aumentou quase seis vezes em um curto período, entre os dias 2 e 12 de fevereiro, conforme dados divulgados pelo Ministério da Saúde.

No início deste mês, a taxa era de 152 casos para cada 100 mil habitantes. No entanto, na última atualização, realizada na segunda-feira (12), esse número saltou para 836,6, representando um aumento de 5,6 vezes em pouco mais de uma semana.

Minas Gerais tornou-se o segundo estado com maior coeficiente de incidência da doença, ficando atrás apenas do Distrito Federal. No começo de fevereiro, o indicador era de 350 casos para cada 100 mil habitantes na capital federal; agora, elevou-se para 2.286,2.

Tanto o estado de Minas Gerais quanto a cidade de Belo Horizonte enfrentam uma epidemia de dengue, levando o governo a decretar estado de emergência já em janeiro.

De acordo com o boletim do Ministério da Saúde, Minas Gerais já registrou 171.769 casos prováveis da doença, tornando-se o estado com o maior número de ocorrências, seguido por São Paulo, com 83.651 casos.

Em âmbito nacional, o país ultrapassou a marca de 512 mil casos prováveis de dengue apenas em 2024. Até o momento, 75 óbitos foram atribuídos à doença, com um coeficiente de incidência médio de 252,3 casos por 100 mil brasileiros.

Comments


bottom of page