top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Mutirão de limpeza da Prefeitura de Pouso Alegre no Bairro São João

A ação irá abranger as regiões da Grande São João, incluindo Guadalupe e Amazonas, Jardim São João, Distrito Industrial e Vista Alegre. 


Foto: Prefeitura de Pouso Alegre
Neste sábado (16), das 8h às 12h, a Prefeitura de Pouso Alegre promoverá um amplo mutirão de limpeza com objetivo de combater o mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya. A ação irá abranger as regiões da Grande São João, incluindo Guadalupe e Amazonas, Jardim São João, Distrito Industrial e Vista Alegre. 

A ação contará com:

  • – A participação ativa dos Agentes Comunitários de Saúde, que vão orientar a população sobre a coleta urbana e as medidas preventivas contra as doenças;

  • – Agentes de Combate a Endemias que vão orientar e aplicar o fumacê costal em residências (priorizando os quarteirões com casos confirmados de dengue);

  • – O cata-treco estará com cinco caminhões e duas máquinas retroescavadeiras para recolher objetos de grande porte. Os materiais deverão ser entregues na calçada, próximo ao número da residência, antes das 8h. É importante ressaltar que não serão coletados materiais não autorizados, como materiais de construção.


Além disso, durante a semana a equipe de limpeza urbana está fazendo a capina e limpeza da região (lembramos que calçadas, lotes e imóveis são de responsabilidade dos proprietários, e os negligentes serão multados).

Boletim Epidemiológico

Até 11/3, segundo a Secretaria de Saúde do Estado, Minas Gerais registrou 514.830 casos prováveis (casos notificados, exceto os descartados) de dengue. Desse total, 185.690 casos foram confirmados para a doença. Até o momento, há 66 óbitos confirmados por dengue no estado e 308 estão em investigação.

Em relação à febre Chikungunya, foram registrados 50.115 casos prováveis da doença, dos quais 31.563 foram confirmados. Até o momento, 20 óbitos foram confirmados por Chikungunya em Minas Gerais e 20 estão em investigação.

Em Pouso Alegre, dados da Secretaria de Saúde apontam que até o dia 9/3, foram registrados 1.941 casos prováveis de dengue. Desse total, 370 foram confirmados. Até o momento a cidade não registrou nenhum óbito.

Em relação à febre Chikungunya, foram registrados 11 casos prováveis da doença, dos quais 10 foram confirmados. A cidade também não registra nenhum óbito. Casos de Zika Vírus não foram notificados.

Essa faz parte de uma série de esforços da Prefeitura para combater a dengue e outras doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. Até o dia 21 de fevereiro de 2024, Pouso Alegre registrou 123 casos de dengue confirmados, 2 casos de chikungunya e nenhum caso de zika vírus.

Ações

A Prefeitura enfatiza que, embora esteja intensificando suas ações de combate à dengue, zika e chikungunya, o trabalho com a população é indispensável para o sucesso dessas iniciativas. O Levantamento Rápido de Índices para o Aedes aegypti (LIRAa) revelou que 86,9% dos focos do mosquito estão dentro das residências, destacando a importância da colaboração de todos na prevenção dessas doenças.

Por isso, embora a Prefeitura esteja utilizando o fumacê costal, realizado campanhas, limpeza de vias públicas (lotes, calçadas e imóveis são de responsabilidade do proprietário), aplicando multas aos donos negligentes, a principal forma de prevenção é a eliminação de criadouros dentro dos domicílios e estabelecimentos com atitudes que a população pode tomar utilizando apenas 10 minutos do seu dia.

Fonte: Prefeitura de Pouso Alegre

Comentários


bottom of page