top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Na terça-feira, 14 de maio, o TSE multou o governador de Minas Gerais Romeu Zema, por propaganda de campanha em sites oficiais

Foto/Reprodução


Na terça-feira, 14 de maio, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aplicou uma multa de pouco mais de R$ 20 mil ao governador de Minas Gerais, Romeu Zema, por propaganda de campanha em sites oficiais durante as eleições de 2022. Embora tenha sido multado, a Corte rejeitou o pedido de cassação do mandato de Zema feito pela coligação de esquerda Juntos pelo Povo.

Segundo a coligação, Zema utilizou abusivamente a estrutura do Estado em benefício próprio para sua reeleição, violando o princípio da impessoalidade. De acordo com o relator do caso no TSE, ministro Raul Araújo, o material de Zema não estava facilmente acessível e não foi amplamente divulgado para a sociedade, observando que a ação já havia sido negada pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais.

Fonte Revista Oeste

Комментарии


bottom of page