top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Pedreiro é preso suspeito de estuprar enteada durante 4 anos

O homem foi preso preventivamente e, no momento em que foi detido, negou os estupros e tentou colocar a culpa na vítima


Viatura da Polícia Civil de Minas Gerais — Foto: Polícia Civil/ Divulgação
No sábado (17), um pedreiro de 30 anos foi detido no bairro Santa Mônica, na Região de Venda Nova, em Belo Horizonte, sob a acusação de ter estuprado sua enteada ao longo de quatro anos.

Segundo informações da delegada Larissa Mayerhofer, da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), a investigação teve início no final de novembro do ano passado, quando a mãe da vítima procurou a polícia e relatou os abusos sexuais. Os estupros teriam começado quando a menina tinha 11 anos e atualmente ela tem 15 anos.

Após o término do relacionamento do casal, o suspeito deixou a residência. Ele foi preso preventivamente e, durante a detenção, negou as acusações de estupro, tentando responsabilizar a vítima.

A delegada Mayerhofer revelou que o homem possui antecedentes criminais por furto e uso de drogas, e estava em situação de fuga desde o final de 2023.

Além disso, o suspeito teria feito diversas ameaças de morte à vítima, caso ela revelasse os estupros à mãe.

O homem foi indiciado por estupro de vulnerável, podendo enfrentar uma pena de oito a 15 anos de prisão, se condenado.

コメント


bottom of page