top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Polícia Federal Desmantela Quadrilha que Invadiu Aplicativo e-Título do TSE

Nesta terça-feira, 25, a Polícia Federal (PF) cumpriu seis mandados de busca e apreensão contra membros de uma quadrilha responsável pela invasão do aplicativo e-Título, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A ação, denominada Operação Eleitor Protegido, foi realizada em Belo Horizonte (MG), São Paulo (SP), São Miguel do Gostoso (RN) e Maracanaú (CE).

Segundo a denúncia, os criminosos utilizaram o aplicativo para inscrever eleitores em nome de pessoas públicas. O TSE detectou 158 registros de irregularidades, que variavam desde a emissão de títulos de eleitor até a inscrição como mesário voluntário em nome das vítimas. A identidade das vítimas ainda não foi divulgada.

A PF informou que os envolvidos responderão pelo crime de invasão de dispositivo informático. A investigação continuará para esclarecer a motivação e os objetivos dos criminosos com a invasão dos sistemas do TSE.
fonte: Revista Oeste

Comments


bottom of page