top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Polícia investiga suspeitos de anunciar vendas pela internet e indicar lar de idosos como entrega

Pelo menos 20 vítimas procuraram a instituição, localizada na Região da Pampulha, em BH, em busca das mercadorias, que não existem. Administração registrou boletim de ocorrência.


Eletrodomésticos são anunciados pela internet — Foto: TV Globo/ Reprodução

A Polícia Civil investiga suspeitos de anunciar eletrodomésticos pela internet, receber o pagamento e passar o endereço de um lar de idosos de Belo Horizonte como local de retirada dos produtos. A instituição já recebeu pelo menos 20 pessoas em busca das mercadorias, que não existem.

Uma mulher que não quis ser identificada fez um PIX de R$ 300 para comprar uma máquina de lavar. Ela viu o anúncio em uma rede social e comprou o eletrodoméstico de um perfil desconhecido, que também indicou alguém para fazer o transporte do produto.
Na troca de mensagens, o suposto motorista manda uma foto e diz que já chegou ao local onde retiraria a máquina. O endereço é de um lar de idosos no bairro Jaraguá, na Região da Pampulha. Em seguida, o homem manda um vídeo do eletrodoméstico, mas, depois disso, ele e o vendedor param de responder as mensagens e bloqueiam a vítima.
"Eu comecei a ficar desesperada, fui na delegacia e fiz o boletim de ocorrência. Eu estava tão apertada, peguei dinheiro emprestado para fazer essa compra, e o cara fez isso comigo. Eu sempre tomei cuidado com esses negócios de golpe, sempre tive um pé atrás em questão a isso", lamentou a compradora.
Funcionários do lar de idosos disseram que há cerca de três meses começaram a ser procurados por vítimas da fraude. Algumas pessoas chegaram a fazer ameaças quando descobriram que a venda, na verdade, era um golpe.
Uma funcionária do lar de idosos que não quis ser identificada disse que a instituição não tem relação com a venda dos eletrodomésticos. A administração do local registrou um boletim de ocorrência.
"Teve vítima que falou assim: 'Mas vocês estão envolvidos, me dá meu dinheiro de volta'. E nós, como instituição de longa permanência que trabalha com seriedade no mercado, estamos muito preocupados, querendo alertar a população de uma forma geral que o que parece ser uma oportunidade é um golpe", afirmou.

Lar de idosos em BH que suspeitos indicaram como ponto de entrega dos produtos — Foto: TV Globo/ Reprodução
A advogada especialista em direito do consumidor Marina Cezário dos Santos Felipe diz que é preciso atenção na hora de fazer esse tipo de compra, principalmente quando o preço está menor do que o praticado no mercado.
"É muito importante que nós observemos os sites, se eles são fidelizados, se não existem reclamações. Tomar cuidado com links que são enviados, sites com ofertas duvidosas, com valor muito abaixo do produto, com as formas de pagamento, no sentido, por exemplo, de ser apenas de transferências imediatas", alertou.

FONTE:G1

Comments


bottom of page