top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Polícia Militar prende mulheres que estavam aplicando golpes com cartões bancários em Três Pontas MG



Na tarde desta quinta-feira (14), a Polícia Militar efetuou a prisão de duas mulheres, com idades de 43 e 45 anos, sob suspeita de envolvimento em golpes de estelionato na cidade de Três Pontas. Durante a ação policial, foram encontrados vários cartões bancários que teriam sido utilizados para saques e transações financeiras.

O caso começou a se desenrolar quando a polícia recebeu uma denúncia informando que estelionatários estavam atuando na região, realizando compras e utilizando diversos cartões. Com base nas características das mulheres suspeitas, os policiais intensificaram o patrulhamento na área.

Durante a abordagem próximo a uma loja de cosméticos e perfumaria, os agentes de segurança avistaram as duas mulheres, que, segundo a polícia, demonstraram nervosismo e a intenção de fugir.

Após a abordagem, as suspeitas, naturais de Uberaba (MG) e São Paulo (SP), alegaram ser garotas de programa de Uberaba que estavam em Três Pontas a trabalho. No entanto, suas respostas entraram em contradição durante o interrogatório.

As duas mulheres se recusaram a responder perguntas adicionais e uma Guarda Civil Municipal foi chamada para proceder com uma busca pessoal. Durante a revista, foram encontrados 19 cartões bancários em nome de diferentes pessoas, bem como R$536 em dinheiro.

Segundo informações, as suspeitas haviam feito dois saques que totalizaram R$6,3 mil e uma transferência de R$5 mil em uma agência da Caixa Econômica Federal. As transações foram capturadas pelas câmeras de segurança da instituição.

As mulheres foram presas em flagrante e encaminhadas à Delegacia de Polícia Civil de Três Pontas, juntamente com todo o material apreendido. A gerente da loja onde elas tinham deixado produtos avaliados em aproximadamente R$2 mil confirmou que as suspeitas haviam separado os itens, mas fugiram ao avistar a polícia.

Uma investigação mais aprofundada será conduzida para determinar a extensão das atividades criminosas das suspeitas e a origem dos cartões bancários.


Fonte: Equipe Positiva

Comments


bottom of page