top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Uma semana após acidente com caminhão carregado de combustível, famílias continuam alojadas em hotéis

Morador afirma que empresa responsável pelo veículo tem feito os reparos necessários. Acidente deixou uma pessoa morta e outras nove feridas.


Foto: Marcelo Abreu/TV Globo
Uma semana depois do acidente que deixou uma pessoa morta e nove feridas, as famílias atingidas pelo incêndio provocado por um caminhão-tanque estão alojadas em hotéis enquanto obras são feitas pela empresa responsável pelo caminhão, segundo moradores da região.

O acidente aconteceu na madrugada da última quinta-feira (14), na rodovia MGC-262, no bairro Goiânia, Região Nordeste de Belo Horizonte.

Uma serralheria ficou com a fachada parcialmente queimada, o proprietário contou que ficou três dias sem conseguir trabalhar. Segundo o empreendedor, a empresa tem feito os reparos necessários.

"Foi um susto, mas as coisas estão chegando no eixo. A empresa está dando assistência. Eu não cheguei a perder nada na loja e as pessoas das casas atingidas estão em hotéis", afirmou Paulo.

A transportadora JBretas, responsável pelo translado do material, afirmou que sete pessoas estão hospedadas em hotéis. As demais preferiram ficar nas casas de parentes. De acordo com a empresa, os reparos começaram logo após o acidente e houve diálogo presencial com a comunidade.

"Estamos terminando a primeira casa, já vamos partir para as outras [em breve], tem algumas mais simples, outras mais complexas de reparar", informou a JBretas.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o veículo estava carregado com 23 mil litros de combustívies, sendo 10 mil litros de gasolina, 10 mil litros de diesel e três mil litros de álcool. O condutor saiu de Betim, na Grande BH, e seguia para abastecer postos de Belo Horizonte.

O combustível vazou e incendiou casas da região, deixando o motorista Gildesio de Oliveira, de 54 anos, morto, e nove pessoas feridas. Entre as vítimas estava uma criança de 6 anos.

A maioria deles foram liberados do hospital, exceto um idoso e a mulher que chegou a pular da janela de casa para fugir das chamas e foi socorrida pelos próprios vizinhos.

FONTE:G1

Comments


bottom of page