top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Autor do ataque em escola de Poços de Caldas diz à PM que buscava vingança

Em depoimento, o aluno afirmou que depois de ser transferido para outra escola, voltou à instituição para se vingar


O autor das facadas afirmou que sua intenção era matar os alunos de sua antiga sala, mas percebeu que eles estudavam de manhã (foto: Reprodução)

O adolescente de 14 anos que matou um aluno e feriu três a facadas na porta de escola em Poços de Caldas, no sul de Minas Gerais, nesta terça (10) afirmou à Polícia Militar que realizou o ataque por ter sofrido bullying no estabelecimento de ensino, onde foi aluno até 2021, conforme disse à corporação.

A "Folha de S.Paulo" não conseguiu contato com a defesa do jovem. Segundo a polícia, o adolescente afirmou que, depois de pedir aos pais para ser transferido para outra escola, decidiu realizar o ataque como forma de vingança.

Ainda de acordo com a corporação, o autor das facadas afirmou que sua intenção era matar os alunos de sua antiga sala, mas percebeu que eles estudavam de manhã. Então, esfaqueou os estudantes que saíam da escola à tarde. O ataque ocorreu por volta das 17h. Depois de atingir a quarta pessoa, afirmou segundo os policiais, largou a faca e esperou ser contido por pessoas que estavam no local.

FONTE: O TEMPO

Comments


bottom of page