top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Quanto Atlético-MG vai receber com venda de Savinho ao Manchester City? Ex-diretor explica

Galo vendeu jovem atacante ao grupo City em junho de 2022 e ainda tem 12,5% dos direitos econômicos, além de bônus; veja o que Rodrigo Caetano disse


FOTO: LaLiga/EFE
O jovem talento Savinho, que foi negociado com o Manchester City em junho de 2022, ainda tem parte de seus direitos econômicos vinculados ao Atlético-MG. Após recentes discussões sobre a venda do jogador, o ex-diretor do Galo, Rodrigo Caetano, explicou os detalhes financeiros envolvidos na transação.

Caetano enfatizou que o objetivo do clube sempre foi alcançar a melhor negociação possível, mas que as circunstâncias e as necessidades do momento também precisam ser consideradas. A transferência de Savinho para o Grupo City ocorreu por 6,5 milhões de euros, com o Atlético-MG retendo 12,5% dos direitos econômicos do jogador. Além disso, o clube pode receber até 6 milhões de euros em bonificações, dependendo do cumprimento de determinadas metas.

O ex-diretor destacou que, em contextos nos quais não há urgência em vender um jogador, o preço da negociação tende a ser mais alto. No entanto, o Atlético-MG enfrentava necessidades financeiras na época da venda de Savinho, o que influenciou o valor final da transação.

Recentemente, surgiram propostas de compra do jogador que chegaram a 40 milhões de euros, o que pode servir como base para futuras negociações com o Manchester City. Se essa quantia for confirmada, o Atlético-MG poderá receber até R$ 29,8 milhões.

Além disso, a venda de Savinho para o Grupo City inclui bônus de até 6 milhões de euros relacionados ao cumprimento de metas específicas. Essas metas incluem aparições do jogador pelo Troyes, clube da Ligue 1, bem como seu desempenho em competições importantes e possíveis conquistas individuais.

  • 250 mil euros a cada 10 partidas feitas no time principal do Troyes (titular), condicionada a um máximo de seis "tranches" - total de 60 partidas). O total pago nessa cláusula não poderá ser maior do que 1,5 milhão de euros

  • 500 mil euros a cada 5 aparições do jogador no time titular: 1) do Troyes; 2) outro clube sob empréstimo do Troyes, nos dois casos, na fase de grupos da UEFA Champions League, num total de três "tranches". Ou seja, 15 aparições no total. O total pago nessa cláusula não pode ultrapassar 1,5 milhão de euros.

  • 750 mil euros a cada cinco aparições do jogador no time titular pelo Troyes ou outro clube sob empréstimo, nas oitavas, quartas, semi, final da UEFA Champions League, até no máximo 10 aparições totais. O total desta cláusula não pode ultrapassar mais do que R$ 1,5 milhão.

  • 500 mil euros pagos de forma única na primeira ocasião que Savinho contribuir para 20 gols (combinação de gols e assistências) em uma única temporada do Campeonato Francês, a favor do Troyes

  • 500 mil euros pagos de forma única na ocasião que Savinho fizer sua terceira partida de titular pela Seleção Brasileira, seja na Copa do Mundo, Eliminatórias ou Copa América, sob contrato com o Troyes.

  • 1,5 milhão de euros pagos de forma única na ocasião que Savinho ganhar a Bola de Ouro da revista France Football, sob contrato com o Troyes.



Comments


bottom of page