top of page
1e9c13_a8a182fe303c43e98ca5270110ea0ff0_mv2.gif

Coluna Minas Gerais - 13/12/2023




31 barragens em situação de emergência
De 32 barragens em situação de emergência no País, 31 estão em Minas Gerais, segundo dados da Agência Nacional de Mineração (ANM), apresentados em reunião com a Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil (Amig). Três delas estão no nível 3 de emergência – em que há risco de rompimento iminente. A Amig afirma ter segurança quanto às barragens, mesmo as de nível 3, pelo monitoramento constante da ANM e legislação mais rígida após as tragédias de Mariana e Brumadinho. As estruturas com risco iminente são Forquilha III, em Ouro Preto; Sul Superior, em Barão de Cocais, ambas da Vale; e a Barragem de Rejeito em Itatiaiuçu, da ArcelorMittal. (Diário do Comércio – Belo Horizonte)
 
Centro Educacional  é entregue 
A Prefeitura de Araguari, através da Secretaria de Educação realizou a cerimônia de inauguração da nova unidade e do paisagismo do Centro Educacional Municipal Rosa Mameri Rade; que recebe diariamente 166 alunos, do pré-escolar ao 9º ano. O novo prédio possui cinco salas de aula, uma sala de informática, sala de recursos para atendimento educacional especializado, biblioteca, refeitório, cozinha, recepção, secretaria, diretoria, sala dos professores, almoxarifado, sanitários, pátio e espaços de apoio/serviços. Além disso, a unidade possui um novo fechamento frontal, com muro, pórtico de entrada e alambrado, escada e rampas de acessibilidade. (Gazeta do Triângulo – Araguari)
 
Teófilo Otoni com escola do Sesc
O presidente do Sindcomércio, entidade representativa do comércio de bens, serviços de Teófilo Otoni, Leonardo Ramos, visitou as obras das novas instalações da Escola Sesc e o Centro de Distribuição do programa Mesa Brasil - maior rede de bancos de alimentos da América Latina. A Escola Sesc começará as atividades em Teófilo Otoni a partir de 2024, atendendo 120 alunos que estarão divididos em 3 turmas no período da manhã e 3 no período da tarde. Essa nova estrutura contemplará salas de aula amplas, laboratórios de última geração, biblioteca completa e muito mais para trazer a qualidade padrão do Sesc. (Diário Tribuna – Teófilo Otoni)
 
Moradores fazem tapa-buraco
Cansados de esperar, moradores do bairro São Luiz, em Divinópolis se uniram, fizeram uma “vaquinha” e compraram asfalto para executar a operação tapa-buraco por conta própria. A iniciativa partiu da população a partir de mobilização da associação do bairro. Isso porque, segundo presidente da associação Mizael Leão, os ofícios encaminhados à prefeitrua são ignorados desde maio deste ano. (Portal Minas Gerais – Divinópolis)
 
Vinho produzido em Capitólio é destaque
O vinho Tinto do Turvo safra 2022, da vinícola Quintas do Carcará de Capitólio-MG, conquistou a terceira colocação no Prêmio CNA Brasil Artesanal 2023 – Vinhos e Espumantes. O vinho premiado foi vinificado na vinícola da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), em Caldas. Esta foi a primeira produção da marca. Os cinco primeiros colocados em cada uma das quatro categorias receberam certificados e prêmios em dinheiro. Os três primeiros receberam também troféus e um Selo de Participação. (Poços Já – Poços de Caldas)
 
Sete Lagoas faz ação de conscientização
Nos últimos dias ocorrências de afogamento na Lagoa Paulinho ganharam grande repercussão em Sete Lagoas. Nadar e pescar é proibido por lei em todas as lagoas públicas da cidade devido ao risco iminente de afogamento. Os locais já são monitorados, mas uma ação conjunta entre a Guarda Civil Municipal e a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, tem também o objetivo de conscientizar um público considerado alvo quanto a este tipo de ocorrência: pessoas em situação de rua.  Os registros de mortes na Lagoa Paulino foram nos dias 30 de novembro e 4 e 5 de dezembro. Diante desse cenário, a Prefeitura de Sete Lagoas vai reforçar a sinalização no local. (Diário de Sete Lagoas)
 
Bom Despacho tem videomonitoramento
O sistema de videomonitoramento e instalação de pontos de internet são os primeiros passos para início do projeto da Cidade Inteligente. Bom Despacho está recebendo postes com caixas metálicas em praças e vias públicas. As instalações fazem parte do programa Cidade Inteligente, uma parceria da Prefeitura com a Polícia Civil e Polícia Militar. O objetivo é aumentar a segurança pública com a instalação de um sistema de videomonitoramento e melhorias na rede dos prédios públicos municipais. O projeto tem um investimento próprio total de R$ 9 milhões. (Portal Gerais – Bom Despacho)

Comments


bottom of page